Encontro com o Chef

Fernando Gadelha incrementa receitas e recria bolos com sabor de infância

Com receitas simples, mas cheias de personalidade, Fernando Gadelha cria bolos com sabor de infância e conquista os mais diversos paladares

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 07/05/2017 14:33 / atualizado em 08/05/2017 17:17

 
 
Filho único de uma família humilde, Fernando Gadelha precisou se virar na cozinha desde cedo. No início, o garoto apenas esquentava o próprio almoço. Aos 9 anos, para desespero dos pais, cozinhava um verdadeiro banquete com todos os ingredientes que encontrava na despensa e na geladeira. “Quando os meus pais chegavam do trabalho, tinha arroz, feijão, carne, frango prontos. Eles ficavam loucos, já que a comida tinha que render para o mês inteiro”, diverte-se.


Tudo era preparado de forma intuitiva, sem nenhum ensinamento prévio. “Não sei explicar como eu aprendi. Era algo que vinha de mim”, define.O tempo passou, o menino criado em Itapecerica da Serra, São Paulo, cresceu e foi trabalhar em áreas diversas. Mas a paixão pela gastronomia continuava lá, latente. Nas festas de família e nas reuniões com os amigos, Fernando sempre estava às voltas com as panelas.

Breno Fortes/CB/D.A Press
Quis o destino que o paulistano viesse morar em Brasília. Ao chegar à capital, a vontade de transformar a gastronomia em profissão só cresceu. Fernando, então, decidiu acrescentar técnica à intuição culinária. Matriculou-se em uma faculdade de gastronomia. Com um ano de curso, foi selecionado para fazer um estágio no renomado Restaurante Maní, em São Paulo. Lá, teve contato com Helena Rizzo, eleita a melhor chef do mundo de 2014 pela Revista Restaurant, e Daniel Redondo, chef catalão e então marido e sócio de Helena na casa.

“Daí, eu tive certeza de que era com aquilo que queria trabalhar.” A passagem pela Padoca, padaria da rede Maní, e um curso com Rogério Shimura, chef especialista em panificação, levou Fernando Gadelha a fazer outra descoberta: a paixão pela confeitaria.

De volta a Brasília, ele decidiu investir na profissão. Começou a trabalhar com encomendas. Passou a fazer eventos para empresas e, quando descobriu que a Tea Shop, franquia espanhola de chá que desembarcou no ano passado em Brasília, estava em busca de chefs para assinar o cardápio, candidatou-se à vaga. Adepto de uma confeitaria sem muito cremes ou coberturas, os bolos de Fernando, com jeito e sabor daqueles feitos pela vovó, eram exatamente o que a casa queria para combinar com os chás.

“Gosto de fazer bolos simples, mas bem executados, com gosto de infância e sabor marcante”, define. A essa altura, o bolo de nozes e chocolate com cobertura crocante de limão já era o cartão de visitas de Fernando. E é justamente a receita dessa delícia, ideal para saborear com um chá ou um café quentinho, que ele escolheu para ensinar aos leitores da coluna.

Fã da gastronomia regional, Fernando passou a oferecer, paralelamente às encomendas, um outro serviço: o de personal chef. “Senti que aqui em Brasília há muita carência de serviço. Eu não apenas cozinho, mas levo as louças, as toalhas, os talheres, oriento os garçons e preparo a decoração. Tudo para deixar o evento inesquecível”, garante o chef. No cardápio, baião de dois, escondidinho, dadinho de tapioca e outras delícias brasileiras. “Acho que por causa da minha origem humilde, gosto de preparar pratos simples.” Ele, porém, faz o desafio: “Garanto que o sabor é inesquecível”.


Bolo de nozes e chocolate com cobertura crocante de limão

Breno Fortes/CB/D.A Press

Tradicional massa francesa 4/4

Ingredientes
130g de farinha trigo
130g de ovos (aproximadamente 3 ovos)
130g de açúcar refinado
130g de manteiga
50g de chocolate em barra meio amargo picado
40g de nozes
20g de castanhas
20g de amêndoas
10g de fermento

Modo de fazer
Em uma batedeira, misture bem a manteiga e o açúcar até a massa ficar esbranquiçada.
Em seguida, ponha, aos poucos, os ovos, sempre batendo.
Acrescente a farinha de trigo — não precisa bater muito, pois a massa é para ficar, de fato, mais pesada e seca — e o fermento.
Por último, coloque o chocolate, as castanhas, as nozes e as amêndoas. Misture bem.
Ponha em uma forma de bolo inglês (o ideal é a de 23cm x 9cm) e leve ao forno preaquecido a 170ºC por aproximadamente 40 minutos.

Fondant (cobertura) de limão

Ingredientes
60g de açúcar de confeiteiro
1 limão

Modo de fazer
Em um recipiente, ponha todo o açúcar e, aos poucos, vá misturando o suco do limão. Misture até formar uma calda pastosa.
Jogue o fondant sobre o bolo ainda quente.
Se preferir, acrescente um pouco de castanha, nozes ou amêndoas trituradas na cobertura.

Serviço

Fernando Gadelha Gastronomia

Telefone: (61) 98350-9990
Instagram: @fernandogadelhagastronomia
Facebook: Fernando Gadelha gastronomia & cultura
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.