Casa

Azulejos e rusticidade: casa portuguesa, com certeza

Super em alta, os azulejos portugueses levam beleza e uma certa rusticidade à decoração

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 12/11/2017 07:00 / atualizado em 10/11/2017 11:20

Entre os itens trazidos de Portugal para o Brasil e adotados no nosso cotidiano estão as rendas de bilros, a chita, os tapetes arraiolos e a cerâmica saramenha. Tudo isso continua a fazer parte da decoração brasileira, mas, claro, com um tom repaginado. Quando se fala em elementos decorativos da cultura portuguesa, porém, o azulejo é sempre presença obrigatória.

Se inserido nos ambientes da casa, pode proporcionar um ar clássico e rústico, capaz de se misturar ou contrastar com outros detalhes decorativos. A peça com característica marcante e artística está em alta e traz, além de tradição, harmonia para o ambiente.

Peça de cerâmica de espessura fina, tipicamente quadrada, em que as faces podem ser lisas ou com relevo, o azulejo pode ter um desenho ou uma pintura sobre determinado tema. É considerado uma das produções mais originais da cultura portuguesa e contém pedaços de gravuras que, complementadas entre si, formam uma imagem única. A mesma pode ser alegórica a cenas mitológicas, religiosas, entre outras. “Os azulejos dão um toque delicado ao espaço, proporcionam aconchego e criam uma pegada clássica, que passa sensação de casa da vovó”, explica a designer de interiores Laura Santos.

Os azulejos ficam bem em qualquer espaço, seja nas paredes internas das divisões da casa, seja nas áreas externas e nos jardins. Por ser marcante, ele dá personalidade aos ambientes. Mas a designer de interiores Laura Santos alerta: “É um elemento muito forte, então, é preciso usar com parcimônia. Para não errar, escolha uma parede que você queira evidenciar”. Pode ser a parede inteira ou só um pedaço, tudo vai depender do restante da composição.

Tem azulejo para todos os gostos: de textura fosca ou envernizada, formas florais, geométricas, arabescos e alguns apresentam cenas pintadas. Pode ser encontrado em diversas cores, sendo as mais tradicionais a azul e o branco, inspiradas na louça chinesa. Em geral, é composto por desenhos únicos, que criam um requinte ao olhar e, por isso, segundo a designer de interiores Danielle Bellini, torna-se único e excepcional.

Para Danielle, o azulejo português é um material rico em informação, esteticamente bonito e com cores bem definidas. “Comparo esse elemento a uma obra de arte”, brinca. Apesar de ser mais usado em cozinhas, espaços gourmets e banheiros, também pode ser aplicado em áreas como o pé direito duplo de uma escada ou em salas. “Quando na parede, prefiro aplicá-lo nela inteira porque, como ele possui um desenho que combina com o próximo azulejo instalado, essa combinação só é visível quando está em uma área maior”, explica a designer.

Sala 

Jomar Braganca/Divulgacao
O direcionamento do projeto da arquiteta e paisagista Emmilia Cardoso foi dado a partir da parede que retrata impressões em azul e branco, no estilo português. Para criar o espaço, foi utilizada madeira nos lambris e no mobiliário. A estante do ambiente gourmet e a parede de pedra rústica contrastam com o sofá de design contemporâneo. Para finalizar, o tapete azul feito pela própria arquiteta atrai olhares, graças ao estilo moderno.


Área gourmet 

Daniel Mansur/ Studio Pixel
 
Para criar uma atmosfera prazerosa, a designer de interiores Danielle Bellini optou por um tradicional fogão a lenha, projetado especialmente para o espaço, com revestimentos na cor marrom. Como forma de decorar as paredes, os azulejos portugueses foram a escolha da vez, pois ajudam a criar uma decoração que mistura o clássico com o rústico.


Cozinha 

Daniel Mansur/ Studio Pixel
O ambiente criado pela designer de interiores Laura Santos, apesar de pequeno, foge do total clean ao deixar de lado somente o branco e abrir espaço para os azulejos portugueses. A designer optou pela decoração com o intuito de proporcionar um toque clássico e delicado, além de deixar a cozinha mais acolhedora para receber amigos e família.

Portugal é rico em elementos decorativos históricos que caracterizam o país e o seu povo. Além dos clássicos azulejos, há calçadas, estampas e tecidos que representam a identidade e o significado de uma tradição ligada a uma cultura centenária. Separamos alguns produtos para decorar a casa se inspirando no estilo português.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.