Usuários podem entrar com ação para voltar a ter acesso ao WhatsApp

No entanto, especialista destaca que o processo, como qualquer outro na Justiça, enfrenta entraves, principalmente em relação ao tempo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 17/12/2015 11:28 / atualizado em 17/12/2015 11:39

Jacqueline Saraiva

Stan Honda/AFP
As 48 horas de espera para que o WhatsApp volte ao normal podem parecer rápidas para uns, mas os que se sentirem prejudicados pela medida cautelar podem entrar na Justiça para ter o acesso normal ao aplicativo. Segundo o advogado especialista em direito digital, Victor Auilo Haikal, um pedido de mandado de segurança pode revogar a ordem dada pelo juiz.

No entanto, ele destaca que o processo, como qualquer outro na Justiça, enfrenta entraves. A principal barreira, sobretudo operacional, é o tempo para que saia uma nova decisão. “Além disso, a ausência de urgência na derrubada da decisão (também trava o processo), uma vez que é difícil imaginar prejuízo efetivo sofrido pelo usuário, haja vista existirem outros comunicadores e formas distintas de mensagem entre usuários”, explicou.

Na prática, o usuário teria de impetrar o mandado de segurança com pedido de liminar e contar com decisão até o final do expediente de sexta-feira (17/12), antes do fim do prazo do bloqueio, que é até as 0h de sábado (19/12). Caso contrário, o mandado de segurança perde o objeto, pois o bloqueio já terá se encerrado.

Leia mais notícias em Tecnologia

Medida cautelar
A Justiça de São Paulo, por meio de medida cautelar, determinou na quarta-feira (16/12) que as operadoras de telefonia celular bloqueassem o aplicativo de mensagens instantâneas Whatsapp em todo o Brasil por 48 horas a partir de 0h desta quinta-feira (17/12).
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
Marcelo
Marcelo - 17 de Dezembro às 12:41
Se o brasileiro não sabe, nem as razões pelo serviço ter parado. Como ele vai agir perdendo tempo, com ações. Sem falar do tempo; se o serviço retorna sábado agora.
 
Maysa
Maysa - 17 de Dezembro às 12:04
kk. Isso que é desespero!