Snapchat lança recurso que permite chats em grupos de até 16 pessoas

Chats enviados para um grupo serão excluídos após 24 horas e poderão ser abertos e reproduzidos apenas uma vez por cada destinatário

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 13/12/2016 16:05 / atualizado em 13/12/2016 16:26

Lionel Bonaventure

O Snapchat lançou nesta terça-feira (13/12) um novo recurso que permite fazer bate-papos em grupos de até 16 pessoas, em um momento em que a rede social de crescimento rápido procura ampliar seus serviços antes de uma esperada oferta pública de ações.

"As férias são um ótimo momento para sair com os amigos e passar tempo com a família - é sempre melhor juntos! Não poderíamos pensar em um momento melhor para anunciar o 'Grupos', uma nova maneira de se comunicar com até 16 amigos no Snapchat", disse um post do blog da plataforma californiana.

Os chats enviados para um grupo são excluídos após 24 horas e podem ser abertos e reproduzidos apenas uma vez por cada destinatário, assim como acontece com as outras mensagens na rede social.

A nova ferramenta chega após relatos de que a empresa-mãe do Snapchat, a Snap Inc., pediu secretamente o registro para uma oferta pública de ações, avaliando a plataforma em mais de US$ 20 bilhões.

A oferta pública inicial (IPO) estaria entre as maiores do setor tecnológico nos últimos anos.

A plataforma de rápido crescimento usada por mais de 100 milhões de pessoas é um dos "unicórnios" - um termo usado para as startups de tecnologia com valor de mercado acima de US$ 1 bilhão - mais proeminentes do setor, junto com Uber e Airbnb.

A empresa se recusou a comentar os relatos sobre a IPO, que provavelmente seria a maior desde que a chinesa Alibaba chegou ao mercado, em 2014.

Embora suas finanças não sejam públicas, o Snapchat geraria quase US$ 1 bilhão no próximo ano a partir de publicidade, segundo uma estimativa da empresa de pesquisa eMarketer.

Por France Presse
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.