MWC 2017: confira os destaques da maior feira de tecnologia do mundo

Samsung, Nokia, LG, Motorola/Lenovo e até mesmo a quase extinta BlackBerry apresentaram as suas apostas para 2017

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 07/03/2017 10:00 / atualizado em 09/03/2017 13:03

MWC/Divulgação


Na última semana, Barcelona recebeu a Mobile World Congress (MWC), uma das maiores feiras de tecnologia do mundo. Durante quatro dias, empresas de desenvolvimento e multinacionais de todo o mundo apresentam as suas apostas para o ano que se inicia. O Tecnologia separou alguns dos aparelhos que mais chamaram atenção na MWC 2017.

 

LG

A sul-coreana deu o pontapé inicial na feira com a apresentação do seu novo topo de linha, o LG G6. A tecnologia modular - que não deu muito certo no G5 - ficou para trás e o smartphone chega ao mercado internacional com display de 5,7 polegadas, processador Snapdragon 821, 4GB de memória RAM e 32GB de armazenamento interno com capacidade para expansão via microSD. O aparelho é o primeiro Android - além do Google Pixel - a vir com Google Assistant, novo assistente de voz do buscador.

LG/Divulgação

 

Samsung

Nada de Galaxy S8 para essa edição da MWC. A sul-coreana aproveitou a maior feira de tecnologia do mundo para mostrar o Galaxy Tab S3, que ganhou uma S Pen - acessório anteriormente exclusivo para os dispositivos da linha Note - e possui display de 9,7 polegadas, processador Qualcomm Snapdragon 820, 4GB de memória RAM e 32GB de armazenamento interno (expansível para até 256GB via microSD). O dispositivo conta ainda com bateria de 6.000 mAh.

Samsung/Divulgação

 

Nokia

Se você tem pouco mais de 20 anos, certamente se lembra do Nokia 3310, famoso pela resistência e bateria de alta duração. O aparelho foi um dos destaques da conferência da finlandesa, que apresentou uma versão mais moderna do modelo, com bateria de 1.200 mAh, display de 2,4 polegadas, internet, câmera de 2MP e 16GB de armazenamento interno (expansível para até 32GB via microSD).

Nokia/Divulgação

Além do remake, a empresa aproveitou a conferência para anunciar que o Nokia 6, seu primeiro smartphone Android apresentado durante a CES 2017, vai extrapolar as fronteiras da Finlândia e deve chegar em outros países até o final do ano. A finlandesa lançou ainda os Nokia 5 (display de 5,2 polegadas, 2GB de RAM, 16GB de armazenamento e bateria de 3.000 mAh) e Nokia 3 (display de 5 polegadas, 2GB de RAM, 16GB de armazenamento e bateria de 2.650 mAh).

Nokia/Divulgação

Nokia/Divulgação

Nokia/Divulgação
 

 

Lenovo/Motorola

Como esperado, a Lenovo, atual dona da Motorola, apresentou os novos smartphones da linha Moto G. Os Moto G5 e Moto G5 Plus chegam ao mercado internacional com versões de 3G/4GB de memória RAM e 32GB/64GB de armazenamento interno. Os aparelhos serão lançados, oficialmente, no Brasil, nesta terça-feira (7/3), em um evento em São Paulo.

Lenovo/Divulgação

 

BlackBerry

Depois da notícia de que os smartphones da BlackBerry correspondem a menos de 0,5% das vendas do mercado, a canadense resolveu mostrar que ainda tem fôlego e lançou o BlackBerry KEYone. O aparelho possui display de 4,5 polegadas, teclado físico, 3GB de memória RAM, 32GB de armazenamento interno e câmeras de 12MP e 8MP e bateria de 3.500 mAh.

BlackBerry/Divulgação

 

Sony A japonesa resolveu continuar apostando na linha “X” com o lançamento dos novos Xperia XA1 e XA1 Ultra, XZs e XZ Premium. O XA1 possui display de 5 polegadas HD, processador Mediatek MT6757 de 8 núcleos, 3GB de RAM, 32GB de armazenamento interno (expansível para até 256GB via microSD) e bateria de 2.300 mAh com tecnologia Qnovo de carregamento rápido. Já a variante Ultra traz display de 6 polegadas Full HD, processador Mediatek MT6757 de 8 núcleos, 4GB de RAM, 32GB de armazenamento interno (expansível para até 256GB via microSD) e bateria de 2.700 mAh com tecnologia Qnovo de carregamento rápido. Os aparelhos estarão disponíveis, na europa, por por 279 euros (R$ 921) e 379 euros (R$ 1,2 mil).

Sony/Divulgação

 

Para quem procura algo mais premium, a Sony também apresentou os novos integrantes da linha XZ. Enquanto o XZs vem com display de 5,2 polegadas, 4GB de RAM, 32GB de armazenamento e 2.900 mAh, o XZ Premium oferece display de 5,5 polegadas, 4GB de RAM, 64GB de armazenamento e autonomia de 3.230 mAh. Na europa, os smartphones custarão 649 euros (R$ 2,1 mil) e 749 euros (R$ 2,4 mil.)

Sony/Divulgação
 
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.