Novos iPads e iMacs, iOS11 e caixa de som 'smart' no primeiro dia de WWDC

Tim Cook, atual CEO da Apple, prometeu "a melhor edição da história". Ao todo, seis anúncios marcaram o evento de abertura

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 05/06/2017 16:18 / atualizado em 06/06/2017 10:14

WWDC/Divulgação

Todos os anos, jornalistas e desenvolvedores do mundo inteiro se reúnem na Califórnia, nos Estados Unidos, para partiricar da WWDC, conferência onde a Apple apresenta as novidades da sua linha oficial de produtos. Entre os destaques do primeiro dia estão os recursos da décima primeira geração do iOS, novos iPads e iMacs, e o lançamento do HomePod, uma caixa de som inteligente que funciona em conjunto com a Siri, serviço de assistente pessoal da empresa.

 

» As possibilidades do iOS 11 

Uma das partes mais aguardadas da conferência é a apresentação oficial da nova geração do sistema operacional da Apple. O iOS 11 oferecerá pagamentos personalizados via Apple Pay, sincronização de mensagens na nuvem, via Messages in Cloud, melhorias significativas na Siri, que será capaz de realizar traduções em tempo real, software mais preciso para o processamento de fotos e vídeos (com função de movimento bem semelhante ao Boomerang, do Instagram), nova central de controle com o tão aguardado botão para desligar redes móveis (finalmente!) e aplicativos de realidade aumentada. 

  

O Apple Car ganhou recursos para ajudar a diminuir as distrações no trânsito. Se o usuário receber uma ligação enquanto dirige, o app interrompe a chamada e encaminha uma mensagem automática avisando que o proprietário está ao volante. A décima primeira versão do S.O. estará disponível em setembro para os seguintes modelos: iPhone 5s em diante, todos os modelos do iPad Air e iPad Pro, iPad 5, iPad mini 2 em diante e iPod touch de 6º geração. 

 

» Novos Macbooks e iMacs

A empresa da maçã aproveitou o primeiro dia para mostrar os três novos modelos do iMac. O mais básico possui display de 21,5 polegadas, 32GB de memória RAM e chip gráfico Intel Iris Plus 640 e sai por R$1.099. O intermediário, com tela 4K, 32GB de memória RAM e placa de vídeo AMD Radeon Pro 555 ou 560, custará U$ 1.299. A versão mais avançada possui tela de 27 polegadas com resolução 5K, placa de vídeo Radeon 570, 575 ou 580, 64GB de memória RAM e sai por U$ 1.799. No Brasil, os desktops estarão a venda por R$8.199, R$9.799 e R$13.899, respectivamente.  

 

Para quem é do time dos portáteis, a empresa da maçã também apresentou as novas gerações do MacBook. Equipados com displays de 12, 13 ou 15 polegadas, processadores Kaby Lake, Touch Bar, Touch ID e bateria de longa duração, os dispositivos saem por a partir de U$1.299, ou R$9.799, no Brasil. 

 

WWDC/Reprodução
 

O destaque da linha de computadores ficou para o iMac Pro. Com processador Intel Xeon de 8, 10 ou 19 núcleos; placa de vídeo Radeon Vera com até 16GB de VRAM; 128GB de memória RAM e uma porta Ethernet de 10 gigabits, o desktop sai por U$4.999. 

 

» Recursos do watchOS 4

A nova linha de smartwatchs da Apple contará com a quarta versão do watchOS. A Siri passou por melhorias e ficou mais inteligente, novos mostradores estarão disponíveis para download e o relógio inteligente ganhará desafios mensais para incentivar os usuários a se movimentar. A nova geração do S.O. para vestíveis também ganhará compatibilidade com aparelhos de academias, para sincronizar os resultados dos exercícios. 

 

» Novos iPads Pro

WWDC/Reprodução
 

Processador atualizado, novo software para as câmeras, versões com até 512GB de armazenamento interno e displays de 10,5 e 12,9 polegadas. Essas são as características dos novos iPads Pro, que chegam ao mercado norte-americano por a partir de U$649. Por dentro, os devices da Apple possuem processador A10X Fusion de seis núcleos de CPU e 12 núcleos de GPU e bateria com autonomia de até 10 horas de uso. Um dos destaques da nova família de iPads é que eles possuirão uma versão especial do iOS 11, com aplicativos e recursos próprios.  

 

» HomePod 

Para finalizar a apresentação, a Apple anunciou o HomePod, a sua primeira "caixa de som bluetooth". A Apple afirma que o dispositivo foi desenhado para reproduzir som de qualidade e sem distorções. Equipado com Siri, o dispositivo está pronto para receber os seus comandos de voz e é capaz de realizar algumas ações mais elaboradas, como responder perguntas sobre o trânsito na região, mandar mensagens e agendar compromissos no calendário do iPhone, iPad e iPod. O dispositivo estará disponível nos Estados Unidos, Reino Unido e Austrália, em dezembro, por U$349.

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.