Viajantes levam vantagem em processo seletivo de empresas, diz MTur

Eles são vistos como profissionais mais abertos às novidades e com facilidade para se adaptar às mudanças, dizem especialistas em Recursos Humanos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 04/07/2015 10:00 / atualizado em 03/07/2015 18:31

REUTERS/Lucas Jackson
 

Quem viaja muito é mais valorizado pelas empresas na hora de concorrer a uma vaga de emprego. Pelo menos é o que anunciou o Ministério do Turismo em notícia publicada no portal do órgão na última sexta-feira (3/7).

 

Segundo o texto, os desafios enfrentados no dia a dia de trabalho se assemelham às dificuldades relacionadas a viagens, como lidar com imprevistos e com culturas diferentes. Os turistas frequentes passaram a ser vistos como pessoas abertas a inovações, que se adaptam a mudanças e são acostumados a falar um segundo idioma.

 

"A gente observa nas dinâmicas de grupo que os candidatos com hábito de viajar têm mais jogo de cintura e se comunicam melhor. Além disso, eles costumam ser mais flexíveis e se estressam menos com os problemas", diz a mestre em psicologia e especialista em recursos Humanos Rita Brum.

 

O administrador de dados Luiz Carlos Herculano, 23 anos, deixou o emprego em Brasília para fazer um intercâmbio social de quatro meses. Quando voltou, passou por um novo processo seletivo e foi recontratado pela empresa onde trabalhava. 

 

"Voltei mais seguro e com capacidade de me comunicar melhor", diz. "Também lidei com pessoas de diferentes culturas e habilidades complementares, o que me ajudou a aprimorar a capacidade de trabalho em equipe."

 

Com informações do MTur

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.