DIA DAS CRIANÇAS

Aventura em terra e na água: o feriado nos parques de diversões brasileiros

Em diversas regiões do país, parques aquáticos e temáticos fazem a alegria dos pequenos - e também dos adolescentes e dos adultos. O melhor deles, na América do Sul, fica no Brasil

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 23/09/2015 18:31 / atualizado em 23/09/2015 17:25

Laisa Queiroz /

Montanha-russa e toboágua são alguns dos brinquedos mais cobiçados pelas crianças em parques de diversão. Ao pensar nesse tipo de passeio, muita gente já se lembra logo de Orlando, nos Estados Unidos. Levando em conta que são apenas três dias de folga para curtir com as crianças no próximo feriado, sem falar no dólar, que passou de R$ 4 (o turismo), sair do país pode não ser uma boa opção. E há um motivo a mais: o Brasil tem algumas excelentes opções.

Uma pesquisa feita pelo site de viagens TripAdvisor, com base em avaliações dos internautas, elegeu o Beto Carrero como o melhor parque de diversões da Améria do Sul. Além disso, três estabelecimentos brasileiros figuram entre os top 10 do mundo na categoria parques aquáticos — um deles, o Beach Park, no Ceará, ocupa a segunda posição do ranking global.

Os outros dois parques aquáticos brasileiros da lista são o Hot Park, localizado em Goiás, oitavo colocado, e o Thermas dos Laranjais, no interior de São Paulo, na nona posição. Os dados mostram, ainda, que 54% dos brasileiros pretendem visitar um parque de diversões este ano. Entre eles, 39% costumam ir com os parceiros, 35% com os filhos e 17%, com os amigos.

Atualmente, os 18 parques que integram o Sistema Integrado de Parques e Atrações Turísticas (Sindepat) recebem mais de 12 milhões de visitantes por ano e, juntos, faturam cerca de R$ 1,5 bilhão. Confira alguns deles aqui e planeje o próximo feriado.

Eco Parque/Divulgação

Eco Parque Arraial D’Ajuda
www.arraialecoparque.com.br
Estrada da Balsa, Km 4,5, Porto Seguro (BA)
(73) 3575-8600
Preço: R$ 100 para adulto, R$ 60 para crianças e idosos, e gratuito para quem tem até 1m de altura

Ideal para quem quer unir um parque de diversões à natureza. Dá para se hospedar no resort ou apenas passar o dia. Para se aventurar, pratique rapel, escalada, arvorismo ou tirolesa. Para relaxar, divida-se entre as piscinas (uma é com ondas), o rio lento e, claro, o mar, que tem caiaques disponíveis para os visitantes. São quatro toboáguas de alta velocidade, um deles todo fechado, para quem quer adrenalina. Já as crianças vão gostar do miniriver (com pequenos toboáguas), da tirolesa e da escalada projetadas especificamente para pequenos aventureiros. Um diferencial do Eco Parque é a programação cultural. Apresentações de capoeira, dança indígena e a mostra de corais estão incluídos.

 

Mirabilandia/Divulgação

Mirabilândia
www.mirabilandia.com.br
Rua Professor Andrade Bezerra, 1285, Olinda (PE)
(81) 3366 2000
Preço: R$ 35, individual

Inaugurado em 2002, o parque tem um belíssimo jardim, projetado para valorizar a flora brasileira. Ipê, pau-brasil e jacarandá são algumas das espécies à vista. O Rio das Pedras e a fazendinha são outras atrações para quem quer um passeio mais ecológico. Quanto aos brinquedos, os adolescentes vão gostar dos mais aterrorizantes: mansão do terror e trem-fantasma. Há, ainda, salas de jogos eletrônicos.

Gramado Bus/Reprodução

Parque Terra Mágica
Florybal e Alpen Park
www.alpenpark.com.br
Rodovia Arnaldo Oppitz, 901, Canela (RS)
(54) 3282-9752
Preço: a partir de R$ 20 por brinquedo
A Serra Gaúcha é muito conhecida como um destino romântico. Mas também pode ser ótima para as crianças, dependendo de onde você for. No Allen Park, tem arvorismo, torre de rapel, tirolesa, quadriciclo, muro de escalada, trenó, montanha-russa e cinema 4D. Lá, não há cobrança de entrada, apenas de estacionamento (R$ 7). Você paga por brinquedo.

Gentil Barreira/Divulgação

Beach Park
www.beachpark.com.br
R. Porto das Dunas, 2734, Aquiraz (CE)
(85) 4012-3000
Preço: R$ 170 crianças (as que tiverem até 1m de altura acompanhadas de um adulto não pagam) e R$ 180 adulto

O parque aquático é um dos passeios mais interessantes para quem vai a Fortaleza — embora não fique na cidade. São diversas opções de toboáguas, onde você pode descer sozinho (com e sem boia), em dupla ou em grupo, uma piscina de ondas de 4.400m² e um “rio” de correnteza para ficar boiando e descansando pelo local. Para os menores, uma boa opção é o Acqua Show, com 78 brinquedos e jatos de água. Os mais ousados não podem perder o Insano. O escorregador com 41 metros de altura fornece, além de uma bela vista da região, uma queda livre de até 105km/h. No Kalafrio, os visitantes usam boias duplas para descer um half de quase 90º. Além disso, há o espaço cabanas (chalés privados), saunas e seis restaurantes.

Mapa Comunicação/Divulgação

Hot Park
www.hotpark.com
Fazenda Água Quente, Rio Quente (GO)
(11) 3512-4830
Preço: R$ 90 crianças e R$ 110 adultos

A 310km de Brasília, o local é muito conhecido pelas águas quentes e diversas opções de lazer. Há toboáguas calmos e radicais, um deles com o formato de U, inspirado em uma pista de skate. Os corajosos podem experimentar o Xpirado, nova atração com um escorregador de 142m de comprimento e cenário com clima de suspense. Há, também, diversas atrações, além dos brinquedos, como tirolesa, rapel, escalada, arvorismo, caiaque, mergulho ecológico, eco pesca (modalidade pesque e solte), quadras de areia e minigolfe. Para quem quer matar a saudade do litoral, a melhor opção é a praia artificial, com nove tipos diferentes de ondas, profundidades variadas, lounges e sofás à “beira-mar”, além, claro, de areia.

Nilo Biazzetto Neto/Divulgação

Beto Carrero World
www.betocarrero.com.br
Rua Inácio Francisco de Souza, 1597, Penha (SC)
(47) 3261-2222
Preço: R$ 82, o passaporte de um dia para crianças, e R$ 96 para adultos (ambos permitem a entrada de mais uma criança grátis)

Pensado e lançado pelo falecido cantor de música sertaneja Beto Carrero, o parque de mesmo nome foi planejado para agradar o público de diferentes idades. Para as crianças menores, há personagens da DreamWorks para brincar e brinquedos feitos para molhar, como o Tchibum. O Kart, a Big Tower (uma enorme queda livre) a Caverna dos Piratas também são boas opções para os que querem emoção. Além deles, o parque abriga um zoológico. Os visitantes podem assistir a shows lá dentro. O Blum apresenta personagens oceânicos em números acrobáticos e malabarismo, e o Excalibur mostra duelos medievais em busca da lendária espada empunhada pelo Rei Arthur.

 Wikimedia/Divulgação

Hopi Hari
www.hopihari.com.br
Rod. dos Bandeirantes, km 72, São Paulo (SP)
(11) 4007-1134
Preço: R$ 89, individual

Muito popular para viagens escolares, o parque é dividido em cinco zonas. A Kaminda Mundi, com um visual mais clássico, traz cinema 3D, casa de jogos eletrônicos, roda-gigante de 44m e um teatro com mais de 700 lugares. Pernalonga e sua turma têm brinquedos voltados para os pequenos, com personagens da Looney Tunes, assim como o Liga da Justiça. Já o Mistieri é queridinho dos adolescentes, com a quinta maior montanha russa de madeira do mundo (1.024m). A área do Wild West remonta a um faroeste, com um hotel mal-assombrado, o Saloon Show e outros brinquedos mais tradicionais. Como outubro também é mês de Halloween, os visitantes contam com a Hora do Horror, uma perseguição assustadora que se passa na chamada Cidade dos Esquecidos.

Wet'n Wild/Divulgação

Wet ‘n Wild
www.wetnwild.com.br
Rodovia dos Bandeirantes, km 72 Itupeva, São Paulo (SP)
(11) 4496-8000
Preço: R$ 69, individual. Crianças de até 1m pagam R$ 15

Famosa mundo afora, a rede é focada na diversão para toda a família. A Ilha Misteriosa do Cascão, a Bubble Up e o Lazy River (aquele de correnteza em que você fica em cima de uma boia descansando) são ideais para crianças menores e seus pais. Entre as atrações moderadas, há um lago com pedalinho e escorregadores para descer em dupla nas boias, como o Twister. A área mais radical do parque conta com toboáguas de alta velocidade, como o Rally, em que você desce de cabeça para baixo, e o Water Bomb, que é todo fechado e não dá para enxergar nada do lado de dentro. Algumas atrações são pagas à parte, como o Wet Adventure (arvorismo) e o Water Walk, uma pista inflável em cima do lago, com aproximadamente 40m.

 

Thermas dos Laranjais/Divulgação
 

Thermas dos Laranjais
www.termas.com.br
Av. do Folclore, 1543, Olímpia (SP)
(17) 3279-3500
Preço: R$ 90 para adulto, R$ 45 a meia e R$ 10 crianças de até 6 anos

Um diferencial deste parque é uma área voltada especialmente para a terceira idade — ideal para levar os avós. São piscinas mais relaxantes, com jatos de hidromassagem. Para os pequenos, a maior atração é a bolha gigante, que eles escalam para depois escorregar. Além dos toboáguas e do rio lento, há piscinas de ondas que imitam uma praia (como no Hot Park) e a chamada piscina maluca, com obstáculos flutuantes para você atravessar. Outro brinquedo inusitado é o Alladin, um toboágua onde você desce usando um “tapete”. Ao fim, há uma rampa que faz o tapete sair do chão e quicar na água. Experimente, ainda, a pista de surfe e o Hidrobalanço. São cadeiras acopladas a um jato de água que impulsiona as pessoas a quase 10 metros de altura

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.