Armação de Búzios é a cidade mais procurada no feriado, diz pesquisa

A segunda e a terceira posições também são ocupadas por cidades cariocas, segundo levantamento do Hotel Urbano

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 30/10/2015 17:04 / atualizado em 30/10/2015 17:57

Blue Tree/Divulgação
 

O Dia de Finados, em 2 de novembro, é celebrado na próxima segunda-feira, marcando mais um fim de semana prolongado e movendo vários brasileiros em viagens pelo país. A agência on-line de viagens Hotel Urbano fez um levantamento com os clientes e constatou que a cidade mais procurada por eles para passar o feriado é Armação de Búzios (RJ).

 

Em seguida, vêm outras duas cidades cariocas: Rio de Janeiro e Paraty. O ranking ainda segue na região Sudeste nas duas posições seguintes, com São Paulo e Ubatuba (SP). A mais próxima de Brasília, já no Centro Oeste, é Caldas Novas, em sexto lugar. Os destinos lideram as buscas por pacotes de viagem e hospedagens relacionadas à data, realizadas no site do Hotel Urbano, que conta com uma base de mais de 18 milhões de viajantes cadastrados.

 

“A alta do dólar tem ajudado o mercado de turismo nacional, pois faz que os viajantes prefiram destinos brasileiros na horade viajar” afirma o cofundador e diretor comercial do Hotel Urbano, Antônio Gomes. Segundo uma projeção do Ministério do Turismo feita em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, os destinos nacionais estão em alta no próximo feriado e devem motivar a realização de cerca de dois milhões de viagens extras pelo Brasil. O impacto econômico a ser gerado deve ser de R$ 2,6 bilhões para a indústria nacional de viagens e turismo.

Confira abaixo o ranking dos destinos brasileiros mais procurados pelos viajantes para o feriado de 2 de novembro:

1-Armação dos Búzios-RJ
2-Rio de Janeiro-RJ
3-Paraty-RJ
4-Ubatuba-SP
5-São Paulo-SP
6-Caldas Novas-GO
7-Campos do Jordão-SP
8-Olímpia-SP
9-Arraial do Cabo-RJ
10-Natal-RN

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.