Turismo

Satisfação de brasileiros com companhias aéreas cai 4,8 pontos

ÍNSC é medido mensalmente, via interne,t e avalia as quatro grandes empresas que operam no país



O Índice Nacional de Satisfação do Consumidor (INSC) - medido pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) - sobre a aviação civil, teve uma queda de 4,8 pontos percentuais na avaliação dos passageiros, caindo de 56% em setembro para 51,2% em outubro. O estudo avalia as quatro grandes companhias aéreas brasileiras: Tam, Gol, Avianca e Azul.


De acordo com a pesquisa, a queda se deu em virtude de um incidente ocorrido com uma única empresa: a cauda de uma aeronave tocou o solo no momento da decolagem, levando o piloto a retornar ao aeroporto, o que gerou pânico entre os passageiros. No mesmo período, notícias sobre um acidente aéreo da mesma companhia - ocorrido há nove anos - vinculadas na internet, também pesaram nos resultados do índice.

O INSC é o primeiro indicador brasileiro com dados totalmente levantados pela internet e que, além das empresas aéreas, analisa mensalmente o que pensam os consumidores sobre outros 22 setores da economia e 92 empresas.