Aeroporto do Rio lança aplicativo móvel e moderniza estrutura de rede

As novidades são parte de um pacote de inovações tecnológicas idealizado em 2014. Olimpíadas aceleraram a implementação

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 05/07/2016 16:57 / atualizado em 05/07/2016 17:16

Thiago Saramago/Café das 4
 

Quem utiliza um aeroporto com serviço de internet sem fio de má qualidade pode passar aperto. Quem nunca precisou da Wi-Fi e ficou na mão? Essa é apenas a ponta do iceberg que envolve a estrutura de rede de um aeroporto. Tanto os cabos quanto os transmissores são responsáveis por garantir a alta performance de um serviço de internet de qualidade.


No aeroporto mais movimentado do Rio de Janeiro, o Galeão, a estrutura de rede ficou mais moderna e um aplicativo móvel pretende tornar a experiência de viagem mais simples, graças às facilidades que a tecnologia proporciona. As inovações visam a atender a demanda dos 90 mil passageiros que passarão todos os dias pelo aeroporto durante as Olimpíadas.

 

RIOgaleão/Divulgação
Aplicativo móvel

A funcionalidade aposta em navegação indoor: por meio de conexão de internet ou Bluetooth é possível obter a localização do celular e traçar rotas para um restaurante, por exemplo. Além disso, os passageiros podem acompanhar o status de um voo e receber notificações em tempo real.

 

Outra facilidade é pagar o estacionamento utilizando a câmera do smartphone, que fará a leitura do QR Code (espécie de código de barras) do cartão e oferecerá o pagamento via cartão de crédito. “Já recebemos excelentes feedbacks de passageiros. Queremos entender o comportamento das pessoas no aeroporto para otimizar os serviços oferecidos”, expõe o gerente de Tecnologia da Informação do RIOgaleão, Alexandre Villeroy.

 

Além de lançar o aplicativo móvel, o aeroporto reformou a estrutura de cabeamento por fibra ótica e o data center, que agora está equipado com servidores aptos a receber sistemas mais robustos. As medidas foram implementadas para tornar a conexão de Wi-Fi mais rápida. “A lentidão era uma das reclamações mais frequentes”, conta Villeroy.

 

O investimento na modernização de recursos tecnológicos do aeroporto custou R$ 65 milhões. Outros R$ 25 milhões foram aplicados na atualização do centro de operações do Galeão, que gerencia o posicionamento de aeronaves.

 

Para fazer o download do aplicativo gratuito, clique aqui

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.