Smiles faz parceria com Rocketmiles e entra no ramo de reservas de hotéis

Empresa passa a ter uma oferta de 400 mil hotéis em todo o mundo com plataforma da nova parceira que pertence ao grupo dono da Booking.com

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 13/07/2016 15:05

São Paulo - A Smiles anunciou nesta quarta-feira (13/07) a parceria com a norte-americana Rocketmiles. A aliança terá exclusividade no Brasil por três anos e, com isso, o cliente do programa de milhagem poderá fazer reservas em 400 mil hotéis da plataforma da norte-americana Rocketmiles, empresa do grupo Priceline, que inclui Booking.com.

Leia mais notícias em Turismo

A partir de hoje, as ofertas de hospedagem constam no site rocketmiles.com/smiles haverá uma oferta especial de 50% a mais de milhas nas reservas até 14 de agosto para quem estiver cadastrado no programa Smiles. As milhas serão creditadas na conta do cliente em até 10 dias após a hospedagem e variam entre 500 a 10 mil milhas por diária. “Nossa estratégia é ser uma empresa completa para o turismo”, disse o presidente da Smiles, Leonel Andrade. Segundo ele, o objetivo da companhia é ampliar esses serviços voltados para as viagens no site do programa com novas parceiras na área de turismo. “Não seremos uma agência de turismo, e, provavelmente vamos buscar parcerias nessa área, incluindo, desde a passagem, o hotel, o aluguel do carro, até reservas de tíquetes de teatro, por exemplo”, contou.

Inicialmente, serão ofertados 400 mil hotéis com a parceria com a Rocketmiles, mas a ideia é chegar a 800 mil estabelecimentos com as demais empresas do grupo Priceline, de acordo com o Carlos Mauad, diretor comercial da Smiles.

A partir de outubro, a plataforma da Rocketmiles estará integrada no site da Smiles e, assim, será possível que o cliente reserve a passagem e o hotel no mesmo website. Além disso, serão ampliadas as formas de pagamento, incluindo milhas e milhas e dinheiro (Smiles & Money). Por enquanto, as diárias serão pagas apenas em dinheiro.

De acordo com Andrade, os executivos da Rocketmiles estavam procurando um parceiro no Brasil e, quando teve primeiro encontro, viajou no dia seguinte para Chicago a fim de conhecer melhor a empresa. “Temos muitas coisas em comum e acredito que essa parceria será duradoura”, afirmou. Jay Hoffmann, CEO da Rocketmiles, afirmou que está “extremamente satisfeitos e motivados pela parceria com a Smiles e confiantes de que será um sucesso absoluto”. O grupo Priceline possui empresas como Rentalcars.com e Kaiak.com.

Os executivos não informaram valores dos investimentos na parceria, apenas destacaram que eles estarão focados em estratégias de marketing para a divulgação do novo serviço. “Concentramos todo nosso foco para a empresa ser reconhecida como a mais fácil de resgatar milhas e queremos agora ser a mais fácil para o resto da viagem”, disse Andrade.

Criada a 20 anos, a Smiles tem hoje 11,9 milhões de clientes e, de acordo com o presidente da empresa, 25% das passagens emitidas são de viagens internacionais. Há três anos, quando a empresa fez o IPO (abertura de capital na sigla em inglês), esse percentual era 3%. Atualmente, a companhia possui parceria com 13 empresas aéreas.

No primeiro trimestre de 2016, a Smiles teve um faturamento de R$ 409 milhões, 8% menor que o registrado no último trimestre de 2015. O lucro líquido nos primeiros três meses do ano foi de R$ 118 milhões.

*A jornalista viajou a convite da Smiles
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.