ESTADOS UNIDOS

Kennedy Space Center entra na era Pokémon Go

Diversas atrações foram anunciadas pela estação de lançamentos da Nasa, na Flórida, entre elas, a caça a Pokémons no espaço que recebe milhares de visitantes todos os anos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 29/07/2016 19:00 / atualizado em 29/07/2016 18:18

Kennedy Space Center/Divulgação

A área de visitantes do Kennedy Space Center, estação de lançamento de veículos espaciais da Nasa, oferece atividades como simuladores, exposições interativas, passeios pelos bastidores e até a observação do lançamento de um foguete. Esse ano, o complexo, localizado no estado norte-americano da Flórida, recebeu novas atrações.

 

Comic Quest

Lançada no início do ano, a atração conta com uma série de desafios baseados em missões reais da Nasa. Em uma das aventuras, o visitante vai até Marte em uma cápsula simulada e tem a missão de criar um habitat para proteger os astronautas de um pó venenoso e radioativo. Também é possível montar uma equipe de lançamento de um foguete.

 

Overnight Adventure

Kennedy Space Center/Divulgação

Desde 2014, o Kennedy Space Center organiza acampamentos de três, cinco ou sete dias em que os visitantes passem por testes, gincanas e outras atividades relacionadas ao espaço. Antes a atividade era voltada apenas para o público norte-americano. Mas, a partir desse ano, visitantes de outros países também podem participar da aventura.

 

Pokémon Go

O Kennedy Space Center também decolou na onda do jogo de realidade aumentada, o Pokémom Go. Agora, quem visita o complexo pode caçar suas criaturas preferidas entre os foguetes.  O local está cheio de pokestops e pokegyms.

 

» Ainda por vir

Kennedy Space Center/Divulgação

Em novembro deste ano, o Kennedy Space Center recebe outra novidade. O Heroes & Legends é uma experiência multissensorial, em que os visitantes farão parte das missões dos principais astronautas da Nasa. Para completar a experiência, o Hall of Fame contará a história de cerca de 100 cosmonautas. 

 

 

 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.