CIDADES IRMÃS

Diplomacia entre cidades promove cooperação e facilita troca de serviços

Conheça a ligação entre algumas cidades brasileiras e estrangeiras e surpreenda-se com as parcerias firmadas nessa árvore genealógica

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

Geographer/Wikimedia Commons

Aproximação cultural, relações comerciais, semelhanças históricas e visual parecido tornam uma cidade irmã de outra. O fato é tão interessante para as relações internacionais quanto para os viajantes. A irmandade é estabelecida quando um governo decide aprovar uma lei nesse sentido. A partir daí, duas cidades são geminadas, ou gêmeas, como são chamadas na Europa. Esse tipo de acordo diplomático facilita o intercâmbio de serviços e promove a cooperação entre os locais. Em um mundo conectado como o do século atual, a família pode ficar enorme. A China é o país com o maior número de cidades-irmãs — tem mais de duas mil. No caso brasileiro, parcerias mundo afora também são numerosas.

 

Além de ter uma calçada da fama e de abrigar o letreiro do distrito de Hollywood, Los Angeles é repleta de cultura, com várias opções de museus. O relacionamento do município com Salvador, na Bahia, existe desde 1962. Não por acaso, Salvador é o segundo destino mais procurado do Brasil e Los Angeles é rota consagrada nos EUA. Em LA, vá até o prédio da prefeitura municipal e comprove a popularidade da cidade. Há um monumento dedicado às cidades-irmãs que indica a distância até cada uma.

Outra parceria interessante é entre São Paulo e Miami. Elas se conectam por inúmeras relações de cooperação econômica, mas também por causa do fluxo de turistas brasileiros que vão ao sul da Flórida durante todo o ano. As cidades são passagem aeroportuária obrigatória para muita gente que entra e sai dos dois países. Além disso, são verdadeiros templos para quem deseja fazer compras.

Fique por dentro de outros relacionamentos entre cidades-irmãs selecionados pelo Turismo e aproveite para captar as semelhanças entre elas em sua próxima viagem.

 

» Liverpool e Rio de Janeiro

As cidades têm acordos de cooperação mútua da política ao turismo. A cidade do Reino Unido tem um vínculo óbvio com a música, pois foi onde os Beatles começaram a brilhar. A capital fluminense é portal para o sucesso de artistas e faz parte da história da bossa-nova, movimento musical brasileiro do fim dos anos 1950.

 

Magical Mystery Tour

Iain Macmillan/Reuters - 18/5/12

Viaje no universo do rock em Liverpool a bordo do ônibus que faz um tour de duas horas por lugares onde os integrantes dos Beatles viveram, se conheceram e fizeram shows.

Beco das Garrafas

Existe Um Lugar/Reprodução - 13/11/15

A rua Duvivier, em Copacabana, reuniu artistas de renome em bares e casas noturnas. Hoje a livraria Bossa Nova e Companhia conta histórias da época em formato de canções.

» Curitiba e Coimbra
Irmãs desde 1975, as cidades compartilham  parcerias consolidadas na área educacional. A atmosfera medieval de Coimbra remonta ao passado, quando uma das mais importantes e antigas universidades do planeta foi erguida. Curitiba é mais moderna e arborizada, mas tem um campus com arquitetura clássica, similar à da irmã portuguesa.

Universidade de Coimbra

Bobo Boom/Wikimedia Commons

É comum que os estudantes andem por lá trajando capas pretas, como manda a tradição. Uma loja de souvenires universitários, A Toga, ajuda quem quer copiar o estilo. Caso esteja na cidade em maio, não perca cerimônia da Queima das Fitas, festa dos formandos.

Teatro Ópera de Arame

Adelano Lázaro/Wikimedia Commons

Para conhecer um contraponto do clássico na arquitetura, vá ao Parque das Pedreiras. Feita de tubos de aço e placas de policarbonato, a construção abriga apresentações artísticas desde 1992. É cercada por um lago com carpas e várias espécies de aves.

 

» Belém e Aveiro
Belém exporta castanha, madeira, borracha e minério; Aveiro, principalmente pescados. Quem vai às cidades não pode fugir do contato diário com as águas. Gastronomia é outro ponto em
comum. Belém oferta restaurantes com especialidades múltiplas e um toque especial da Amazônia. Aveiro tem pratos consagrados, como os ovos moles.

Remanso do Bosque

Ricardo Silva/Divulgação

Representante da alta gastronomia em Belém, o restaurante apresenta ingredientes locais com requinte. O filhote assado na brasa é destaque. Fica na rua 25 de Setembro, nº 2.350.

Confeitaria Peixinho

Confeitaria Peixinho/Divulgação

É a mais antiga de Aveiro, aberta desde 1856. Delicie-se com os ovos moles, doce mais pedido da casa, e outras iguarias regionais, como o pão de ló. Fica na rua de Coimbra, nº 9.

 

Irmãs de Brasília

A capital federal tem uma grande família. Washington, nos Estados Unidos, parece irmã gêmea. Ambas são capitais federais, planejadas para abrigar a máquina pública federal. A diferença é que Washington foi inaugurada dois séculos antes. Veja as demais:

» Abergement-la-Ronce (França)

» Abuja (Nigéria)

» Amsterdã (Holanda)

» Berlim (Alemanha)

» Bogotá (Colômbia)

» Boston (Estados Unidos)

» Viena (Áustria)

» Buenos Aires (Argentina)

» Camberra (Austrália)

» Chaoyang (China)

» Diamantina (MG)

» Doha (Qatar)

» Guadalajara (México)

» Lima (Peru)

» Lisboa (Portugal)

» Luxor (Egito)

» Montevidéu (Uruguai)

» Roma (Itália)

» Santiago (Chile)

» Xian (China)

 

» Para saber mais

Projetos unidos

Os municípios não podem fechar tratados internacionais, porque isso cabe ao governo federal, mas há como firmar acordos e manter programas bilaterais com outras cidades. A chamada paradiplomacia favorece o desenvolvimento de projetos de cooperação. Workshops, feiras e outros modos de divulgar a cultura de um lugar são exemplos do resultado exitoso de parcerias entre cidades-irmãs. Desde 2009 a biblioteca de Nantes, na França, tem vínculo com a biblioteca de Caranguejo Tabaiares, no Recife. Crianças brasileiras têm aulas de francês e interagem com usuários europeus, que aprendem um pouco do português.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.