FERIADO

Tradições e celebrações da Semana Santa enchem Brasil e Europa de renovação

Aproveite o feriadão para experimentar novos roteiros que são palcos de programações especiais. Descubra as festividades de Páscoa em alguns países

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 22/03/2017 20:00 / atualizado em 22/03/2017 17:20

Rita Souza/Prefeitura de Canela
 

A tradição é católica, mas independentemente da crença, poucos resistem aos símbolos mais conhecidos da Páscoa: coelho e ovos de chocolate. Três dias após a crucificação e morte de Jesus na Sexta-Feira Santa, os fiéis celebram o momento da ressurreição de Cristo. Trata-se de um feriado religioso, apesar de ser uma data móvel. No ano de 325, o Concílio de Niceia definiu que a Páscoa seria no domingo seguinte à primeira lua cheia, após o equinócio de primavera do Hemisfério Norte.

Dessa forma, o feriado de Páscoa é celebrado a cada ano numa data diferente. Ele serve como ponto de partida para datas importantes da Igreja Católica como a Quaresma (quarenta dias antes do Domingo de Ramos, que ocorre uma semana antes do domingo de páscoa), o Pentecostes, comemorado cinquenta dias após o domingo de Páscoa, que marca a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Jesus Cristo.

Muitas regiões do globo comemoram a Páscoa, cada uma à sua maneira. Por isso, o Turismo selecionou algumas cidades que têm uma programação especial para celebrar a data. Confira o que entra no calendário de cidades no Brasil e no mundo.

Canela (Rio Grande do Sul)
As luzes e decorações especiais transformam o feriado da Páscoa em um espetáculo na cidade gaúcha. É uma tarefa quase impossível não esbarrar com um coelho de pelúcia enquanto se caminha pelas ruas do local. Entre as atrações especiais estão feiras, encenações da morte e ressurreição de Cristo, missas, apresentações musicais, entre outras. Os eventos vão do dia 18 até 26 de março. Quem tiver ânimo também pode dar um pulo na cidade vizinha, Gramado. No Festival do Chocolate e no Gramado Aleluia, o turista participa de cerimônias religiosas, apresentações artísticas e atividades especiais para as crianças.

Big Max Power/Flickr

Sevilha (Espanha)
A cidade é uma das mais conhecidas quando o assunto é a comemoração da Semana Santa. Desde o Período Barroco, a morte e ressurreição de Cristo é encenada nas ruas da região espanhola. Várias irmandades religiosas — representando suas imagens de devoção — se reúnem para dar vida ao desfile que torna Sevilha um destino ainda mais interessante para os católicos. A rota de peregrinação começa na igreja de cada irmandade e segue até a catedral da cidade enquanto os fiéis cantam das sacadas dos prédios. É possível ainda reservar um lugar para ver os desfiles de um lugar mais confortável.

» Mais informações: www.hermandades-de-sevilla.org

 

Visit York/Reprodução

York (Inglaterra)
Quem vai para a cidade inglesa tem diversão garantida na data comemorativa. No Festival de Páscoa de York, é possível visitar uma feira de chocolates — com degustações e workshops — e uma tenda de atividades, onde as crianças podem participr depintura de rosto, aulas de artesanato e contação de histórias. Além disso, as famílias podem fazer a Trilha de Chocolate de Páscoa: depois de pagar um valor destinado à caridade, os participantes precisam desvendar enigmas, pela cidade, para encontrar o prêmio final.

Osservatore Romano/Reuters

Vaticano (Itália)
Era de se esperar que a sede da Igreja Católica tivesse uma programação especial para a Semana Santa. As celebrações especiais começam no domingo anterior à Páscoa, na Missa do Domingo de Ramos e da Paixão de Jesus. Na Sexta-feira Santa, acontece a Via Crucis, no Coliseu e, no sábado, o turista pode participar de uma vigília. Para participar da Santa Missa do Domingo de Páscoa, celebrada pelo papa, é preciso solicitar um convite no site do Vaticano.

» Mais informações: w2.vatican.va


Adam Berry/Getty Images

Schleife (Alemanha)
O turista que estiver em Berlim ou Dresden, por exemplo, pode aproveitar para fazer uma viagem de no máximo duas horas para conhecer o Mercado de Ovos de Páscoa sorábios. Na tradição do povo eslavo, minoria que vive em alguns estados do leste alemão, as pinturas de ovos — símbolo de fertilidade — são meios de evitar que espíritos ruins e a má sorte entrem em suas casas. A tradição é repetida desde o século 17.

 

» Diferentes tradições 

Descubra a singularidade das tradições pascais de algumas regiões do mundo, de acordo com cada cultura:

Alemanha
Depois da missa, as famílias se reúnem nos quintais de suas casas para que as crianças possam procurar pelas cestas — cheias de ovos, chocolates e brinquedos — que os pais esconderam. Outra tradição é pendurar ovos decorados em árvores.

Bermudas
Na Sexta-feira Santa, os moradores do território britânico confeccionam e empinam pipas coloridas como forma de representação da ascensão de Jesus.

Escócia

Depois de decorarem os ovos, as crianças seguem para o alto de colinas, em parques, e os empurrarem lá de cima.

Suécia
Crianças se caracterizam de “bruxas e bruxos da Páscoa” — ao se vestirem com roupas coloridas e pintarem as bochechas de rosa — para bater de porta em porta, trocando desenhos por doces.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.