Bloco "Essa boquinha eu já beijei" aposta no carnaval da diversidade

Ao som de funk nacional e músicas da década de 90, a festa, que se propõe a ser uma das mais inclusivas, feministas e contra o preconceito, fecha com chave de ouro o período carnavalesco da cidade

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
28 de fevereiro de 2017
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.