STF decide que goleiro Bruno deve voltar à prisão

O goleiro Bruno, acusado de participação na morte de Eliza Samúdio, vai voltar para a prisão. A decisão foi do Supremo Tribunal Federal

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
25 de abril de 2017
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.