Publicidade

Correio Braziliense

Centenas de indígenas bloqueiam entrada do Senado

 


postado em 07/05/2009 10:45 / atualizado em 07/05/2009 11:19

Uma audiência púbica no Senado com líderes indígenas que participam do Acampamento Terra Livre 2009, programada para a manhã desta quinta-feira (7/5), teve seu início atrasado devido a problemas com o ingresso dos índios nas dependências do Congresso. A senadora Marina Silva (PT-AC), autora do requerimento para a audiência, convidou cinco líderes a serem indicados pelas principais organizações indígenas. No entanto, todos os participantes do acampamento querem participar do debate. A secretaria da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) informou que não houve tempo para reserva do auditório Petrônio Portela - espaço mais amplo que o da comissão. A polícia de choque foi chamada para garantir a segurança nas dependências da Casa. A reunião visa debater projetos de lei que afetam os indígenas diretamente, como os que instituem o Conselho Nacional de Política Indigenista e o Estatuto dos Povos Indígenas. O Acampamento Terra Livre é realizado anualmente na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, e reúne lideranças indígenas do país para apresentar as demandas dessa parcela da população aos poderes públicos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade