Publicidade

Correio Braziliense

Ato do MST em fazenda de laranjas foi vandalismo, afirma Lula


postado em 09/10/2009 16:49

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que o ato praticado por integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) numa plantação de laranjas da empresa Cutrale foi uma “cena de vandalismo”. Lula disse, ainda, que quem descumprir leis no Brasil “pagará o preço”.

“Todo mundo sabe que sou defensor das lutas sociais nesse país e que sou defensor que o povo se manifeste pelo Brasil inteiro. Agora, [é diferente] uma manifestação reivindicando alguma coisa e aquela cena de vandalismo

feita na televisão”, disse o presidente nesta sexta-feira (9/10), durante entrevista coletiva de imprensa no Itamaraty.

Lula afirmou não concordar com a atitude do MST "porque não tem explicação para a sociedade você derrubar tantos pés de laranja apenas para demonstrar que você está reivindicando. Você podia demonstrar sem precisar destruir máquinas nem pés de laranja”.

”Eu acho que todo mundo no Brasil já aprendeu que este país tem lei e tem Constituição. Quem estiver dentro da lei pode fazer qualquer coisa. Quem não estiver, pagará o preço”, completou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade