Publicidade

Correio Braziliense

Servidor facilitou os motins


postado em 14/11/2010 16:00

Pelo valor de R$ 1,3 mil, o funcionário público do governo do Maranhão Jorge Henrique Rabelo Pereira, 48 anos, conhecido como Seu Jorge, teria facilitado as rebeliões ocorridas, na semana passada, no presídio São Luís e na Penitenciária de Pedrinhas. Ontem, o funcionário foi detido sob a acusação de ter fornecido dois revólveres e um aparelho celular utilizado pelos líderes dos motins, que resultaram na morte de 18 presos. O servidor, que é agente administrativo, trabalhava no Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

  • Tags
  • #
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade