Publicidade

Correio Braziliense

Homem é preso em Janaúba depois de ameaçar colocar fogo em creche

Suspeito, morador do distrito de Quem Quem, foi encaminhado para a delegacia da cidade


postado em 20/10/2017 07:48

Foi preso no fim da tarde dessa quinta-feira (20/10) no distrito Quem Quem, em Janaúba, no Norte de Minas, um homem que ameaçava atear fogo numa creche na localidade, distante 40 quilômetros da área urbana. A prisão foi confirmada pelo comandante do 51º Batalhão da Polícia Militar em Janaúba, tenente-coronel João Aparecido Nascimento. 

O homem, cuja identidade não foi revelada, foi encaminhado para a delegacia da Polícia Civil da cidade. Segundo o tenente-coronel Nascimento, o suspeito contou que trabalhou em uma empreiteira  que prestava serviço para a prefeitura de Janaúba e que teria um valor para ser recebido. Indignado com o atraso do pagamento, ele teria comentado com uma familiar que colocaria fogo na creche, caso a dívida não fosse paga. Diante da ameaça, a mulher denunciou o homem à polícia. 

No entanto, nenhuma substância inflamável foi encontrada com ele. O suspeito, morador de Quem Quem, foi levado para prestar esclarecimentos no início da noite. Mais informações deverão ser passadas na manhã desta sexta-feira.

O fato ocorreu duas semanas depois da tragédia na creche municipal Gente Inocente, no Bairro Rio Novo. Em 5 de outubro, o vigilante Damião Soares dos Santos, de 50 anos, ateou fogo a si mesmo e provocou a morte de nove crianças e da professora Heley de Abreu Silva Batista, de 43. Mais de 40 pessoas ficaram feridas. 

Operação

Após levantamentos no local, também foi realizada a prisão de um foragido da Justiça – que também não teve a identidade revelada.  Uma arma de fogo, munições, entorpecentes foram apreendidas, junto com duas motocicletas adulteradas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade