Publicidade

Correio Braziliense

Massoterapeuta Dani Bumbum deixa prisão no Rio de Janeiro

Ela estava presa há um mês, acusada de realizar um procedimento estético na microempresária Fernanda de Assis, morta em outubro


postado em 16/11/2018 12:18

A massoterapeuta Danielle Cândido Cardoso, conhecida como “Dani Bumbum”, deixou a prisão na noite dessa quinta-feira (15/11). Ela estava presa há um mês, acusada de realizar um procedimento estético na microempresária Fernanda de Assis, morta em outubro, dias após a aplicação de metacril e silicone industrial nos glúteos.

Danielle Cardoso foi presa no dia 16 de outubro, após ter se entregado à polícia e assumido a responsabilidade pelo procedimento. Dez dias depois, a defesa da massoterapeuta chegou a pedir a revogação da prisão, mas o pedido foi negado pelo juiz da 1ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. 

Caso

Fernanda passou mal um dia após realizar preenchimento nas nádegas. Ela chegou a ser internada no Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo, zona oeste do Rio, onde chegou com lesões sérias nas nádegas, segundo a Secretaria Municipal de Saúde. Depois de nove dias internada, a vítima acabou morrendo em consequência de uma parada cardiorrespiratória.

Além do preenchimento nos glúteos, Fernanda também foi submetida a aplicações nos lábios. Ambos os procedimentos foram feitos na casa da vítima em Ricardo de Albuquerque, zona norte do Rio.  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade