Publicidade

Correio Braziliense

Avião de pequeno porte cai sobre casas em São Paulo; há mortos e feridos

Segundo informações preliminares, trata-se de um Cessna modelo C210, que partiu do Campo de Marte com destino a Jundiaí. Duas pessoas morreram. Bombeiros atenderam pelo menos 12 feridos


postado em 30/11/2018 16:32 / atualizado em 30/11/2018 17:15

(foto: Reprodução/Twitter)
(foto: Reprodução/Twitter)
Um avião de pequeno porte caiu, na tarde desta sexta-feira (30/11), em São Paulo. O acidente ocorreu por volta das 15h55, na Rua Antonio Nascimento Moura, próximo ao Campo de Marte, na Zona Norte de São Paulo. De acordo com uma testemunha, o avião estava decolando quando acabou caindo ao lado de um posto de gasolina. Duas pessoas morreram no acidente.
 
(foto: Reprodução/Rede Globo)
(foto: Reprodução/Rede Globo)
Segundo informações preliminares, trata-se de um Cessna modelo C210, com destino a Jundiaí (SP). Três residências, quatro carros e um caminhão foram atingidos na queda. Bombeiros enviaram 14 carros ao local. O fogo já foi controlado e há pelo menos 12 feridos — alguns com queimaduras de primeiro e segundo graus.
 
A queda ocorreu em uma área residencial nas proximidades do aeroporto, um terminal destinado à operação de voos executivos. Casas e veículos que estavam na rua onde a aeronave caiu também foram atingidos. O fogo chegou a se alastrar pelo asfalto.

De acordo com uma testemunha, o avião estava subindo quando caiu ao lado de um posto de gasolina. O economista Carlos Carneiro Filho, que trabalha em uma empresa situada na Avenida Brás Leme, viu o momento da queda. "Vi que o avião subiu do aeroporto, fez um rasante nas árvores e caiu em uma rua bem em frente da Totvs (onde trabalha), atrás de um posto de gasolina." De acordo com Carneiro Filho, logo após a queda, houve uma explosão. "Explodiu, deu bastante estrondo e uma labareda bem alta."

O arquiteto Vainer Ragusa, de 50 anos, passava pela Brás Leme, após sair de uma consulta médica, quando viu a queda. "Estava no farol da Brás Leme, no sentido Santana. Vi que o avião levantou voo e perdeu potência, começou a baixar e caiu entre a rua e uma casa", conta. Segundo Ragusa, a aeronave atingiu carros. "Estava a uns 200 metros e senti o calorão. Foi muito feio."
 
 




Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade