Publicidade

Correio Braziliense

Bolsonaro assiste ao jogo do Palmeiras entre apoio e protesto de torcedores

Convidado pelo clube, presidente eleito vai assistir ao jogo contra o Vitória em um camarote do estádio Allianz Parque


postado em 02/12/2018 17:51 / atualizado em 02/12/2018 18:07


O presidente eleito, Jair Bolsonaro, foi recebido entre manifestações de apoio e protesto no Allianz Parque, onde assiste ao jogo do Palmeiras contra o Vitória, neste domingo (2/12). A partida marca a festa do décimo título brasileiro do clube paulista na última rodada do Campeonato Brasileiro. Bolsonaro vestiu a camisa alviverde e fez até o símbolo de "coração" com as mãos, para a torcida de um dos camarotes do estádio. 

No Twitter, Bolsonaro parabenizou o clube pelo título. "O futebol é muito mais que torcer para um time, é um estado de espírito totalmente identificado com o brasileiro. É sempre bacana fazer parte desta festa", escreveu.



O presidente eleito já afirmou ser torcedor do clube paulista – o nome dele é uma homenagem a Jair da Rosa Pinto, ídolo do Palmeiras nos anos 1950. No entanto, enquanto do lado de dentro do estádio o clima é tranquilo, há cartazes contra Bolsonaro nas imediações do Allianz. Torcedores o criticam por "oportunismo", já que ele também vestiu a camiseta de clubes como Flamengo, Botafogo e Vasco. Na internet, os torcedores dividem opiniões. 

 
 
Em entrevista antes do jogo, Bolsonaro disse que vai ao estádio "para se divertir". "Vou ver meu decacampeão entrar em campo hoje. Hoje é dia de se divertir", disse. A presidente do grupo Crefisa, principal patrocinadora do clube paulista, postou uma foto com o presidente eleito nas redes sociais. Na legenda, disse "ser uma honra colocar a nossa faixa de Decacampeão em nosso presidente Jair Bolsonaro". 

Esquema de segurança 

A segurança de Bolsonaro é feita pela Polícia Federal e Polícia Militar. Foi necessário o bloqueio de uma das avenidas da capital paulista para que a equipe do presidente eleito fizesse o trajeto entre o aeroporto e o estádio. 

Há ainda a expectativa de que Bolsonaro entregue a taça do título ao clube paulista. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade