Publicidade

Correio Braziliense

Mulher dá à luz no meio da rua após ser agredida por PM em Rondônia

Algumas pessoas próximas auxiliam a vítima no parto e a criança nasce antes de a ambulância chegar


postado em 21/12/2018 22:37 / atualizado em 21/12/2018 22:38

(foto: Reprodução )
(foto: Reprodução )
 
Em um vídeo registrado por um morador da cidade de Porto Velho (RO), uma gestante aparece dando à luz no meio da rua após ser agredida por policiais militares.

As imagens mostram o momento em que a mulher discute com um dos policiais enquanto segura uma criança no colo. Aos 44 segundos do vídeo a discussão fica mais calorosa e os militares tentam imobilizar a vítima.

Uma testemunha aparece e tira a criança do colo da mãe. Nesse instante, um dos policiais puxa a mulher pelos cabelos e a atira no chão, onde ela passa a sentir fortes contrações e entra em trabalho de parto. 

A viatura sai do local, mas retorna em seguida e os policiais solicitam ajuda médica. Algumas pessoas próximas auxiliam a vítima no parto e a criança nasce antes de a ambulância chegar. 
 
 
 
As imagens geraram revolta nas redes e o vídeo já foi compartilhado mais de 20 mil vezes em alguns grupos. Procurado pelo Correio, a Secretaria de Estado da Segrança, Defesa e Cidadania (Sesdec) de Rondônia declarou que esta apurando o caso. 

De acordo com a assessoria da PMRO, os policiais militares foram identificados e pertencem ao 9º Batalhão de Polícia Militar, em Porto Velho. "Logo após a corregedoria tomar conhecimento do vídeo, os policiais militares foram afastados das ruas e aberto um Inquérito Policial Militar para apurar as medidas tomadas pelos policiais militares. Eles e a pessoa da ação serão ouvidos pela Corregedoria. O corregedor geral é o coronel PM Alexandre Almeida", informou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade