Publicidade

Correio Braziliense

Preso homem que espancou a mulher até a morte na frente da filha

Tamires Blanco foi assassinada na sexta-feira (4/1), na zona norte do Rio de Janeiro


postado em 06/01/2019 11:57 / atualizado em 06/01/2019 14:09

(foto: Reprodução/Facebook)
(foto: Reprodução/Facebook)
 

 

Policiais militares do 27º Batalhão, em Santa Cruz, zona oeste do Rio, prenderam na tarde de sábado (5/1) o assassino de Tamires Blanco, morta na sexta-feira (4/1) no Morro do Urubu, zona norte do Rio, na frente de sua filha de 11 meses.

Segundo a Polícia Militar, o batalhão chegou ao paradeiro do assassino por meio de denúncia. O criminoso estava em Nova Sepetiba, na zona oeste do Rio, de onde foi conduzido para a Delegacia de Homicídios.

O assassino é ex-companheiro da vítima e espancou a mulher até a morte. O casal estava junto há dois anos e o ex-companheiro não aceitava a separação, segundo informou ontem a Globonews.

 

Quarto feminicídio no Rio

Com a morte de Tamires Blanco, chega a quatro o número de mulheres mortas no Rio de Janeiro por feminicídio só em 2019. Além deste crime, foram registrados este ano o assassinato de uma mulher pelo marido com golpes de marretas em Itaguaí, município a 60 km do Rio, e Marcelle Rodrigues da Silva, 27, morta a facadas dentro de casa também pelo marido, na frente do filho de 7 anos. E na virada do ano, o filho do presidente da Câmara dos Vereadores do Rio Fabio Tuffy Felippe foi preso após espancar por três horas a mulher, Christini, que resistiu ao crime mas teve o rosto desfigurado.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade