Publicidade

Correio Braziliense

Doria põe Defesa Civil de SP à disposição de governo de MG

Até agora, apenas 11 mortes foram confirmados, mas as informações são de 296 desaparecidos


postado em 26/01/2019 16:42 / atualizado em 26/01/2019 16:57

(foto: Bárbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Bárbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
 

 

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), usou suas redes sociais para prestar solidariedade às vítimas do rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho, e sinalizou ajuda ao Estado de Minas Gerais. "Há pouco falei com o governador Romeu Zema, colocando a Defesa Civil de SP à disposição para ajudar nos trabalhos desse Estado irmão", escreveu Doria.

Resgate

Diversos veículos e profissionais do Instituto Médico Legal (IML), dos bombeiros e das policiais Civil e Militar estão concentrados na Igreja Nossa Senhora das Dores, na localidade de Córrego Feijão, para onde estão sendo levados os primeiros corpos localizados em meio aos escombros da tragédia de Brumadinho.

Até agora, apenas 11 mortes foram confirmados, mas as informações são de 296 desaparecidos. Um ônibus da Vale com funcionários da empresa soterrados teria sido localizado, mas não há informações oficiais sobre o assunto.

De acordo com moradores da região, desde sexta-feira, 25, há animais vagando nas margens de córregos. A polícia e o Corpo de Bombeiros estão limitando os acessos para evitar novos acidentes com vítimas. Os principais pontos de acesso à área atingida estão bloqueados.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade