Publicidade

Correio Braziliense

Brumadinho: acúmulo anormal de água e falha em drenagem são investigadas pela PF

Acúmulo anormal de água e a falha no sistema de drenagem é a principal linha de investigação sobre as causas do rompimento da barragem de Brumadinho


postado em 07/02/2019 14:10 / atualizado em 07/02/2019 14:53

(foto: Paulo Filgueiras/Estado de Minas)
(foto: Paulo Filgueiras/Estado de Minas)
 

A principal linha de investigação sobre as causas do colapso da barragem de Brumadinho, em Minas Gerais, é o acúmulo anormal de água e a falha no sistema de drenagem. A Superintendência da Polícia Federal (PF) confirmou que, a partir dos depoimentos dos investigados e das perícias realizadas no local da tragédia, "uma das linhas de apuração aponta para a possibilidade de acúmulo de água e saturação da barragem e para uma possível falha no sistema de drenagem como eventuais causas de saturação da barragem e de seu consequente rompimento".

 

A PF informou ainda que, além dos crimes ambientais, estão sendo investigados os crimes de falsidade ideológica, uso de documento falso e homicídio. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade