Publicidade

Correio Braziliense

Propaganda com Bettina Rudolph leva Procon-SP a notificar Empiricus

Procon pede que empresa de investimentos comprove veracidade de comercial em que jovem diz ter acumulado mais de R$ 1 milhão de patrimônio


postado em 19/03/2019 18:41 / atualizado em 19/03/2019 19:47

Bettina, a polêmica garota-propaganda da Empiricus(foto: Reprodução/redes sociais)
Bettina, a polêmica garota-propaganda da Empiricus (foto: Reprodução/redes sociais)
Nesta tarde de terça-feira (19/3), o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do estado de São Paulo (Procon-SP) notificou a empresa Empiricus, pedindo esclarecimentos sobre a propaganda que vem exibindo na internet nos últimos dias, protagonizada pela jovem Bettina Rudolph. O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) avalia se abre um processo contra a instituição.

No comercial, a garota-propaganda aparece dizendo: "Oi, meu nome é Bettina, tenho 22 anos e, começando com R$ 1.520, eu acumulei um patrimônio de mais de R$ 1 milhão." Na petição, o Procon-SP exige que a Empiricus esclareça e comprove, no prazo de 48 horas, os ganhos financeiros da jovem.

"O pedido de esclarecimentos exige, nos termos do artigo 36 do CDC (Código de Defesa do Consumidor), que a empresa esclareça se o vídeo amplamente veiculado se refere a uma campanha publicitária e, além disso, exige os documentos que compravam a veracidade do que foi anunciado, com a demonstração da evolução financeira da atriz/depoente, no prazo de 48 horas”, afirma parte do comunicado.

Em resposta ao Correio, a Empiricus informou que não recebeu nenhuma notificação do Procon e que soube dos autos por meio da imprensa. Além disso, a empresa argumenta que os conteúdos veiculados "não criam nem criaram qualquer tipo de relação de consumo, tratando-se apenas de um convite gratuito para saber mais sobre o assunto". 

 

Repercussão negativa 

Desde que começou a ação publicitária, há mais ou menos um mês, Bettina se tornou alvo de críticas nas redes sociais, com muitos internautas questionando a veracidade do que ela afirma nas propagandas.

As críticas acabaram gerando um novo vídeo da Empiricus, no qual a jovem afirma que acumulou o patrimônio por mérito próprio (veja abaixo). Nesta terça-feira (19/3), Bettina Rudolph, em entrevista a uma rádio, detalhou melhor como acumulou o atual partimônio e disse que contou com a ajuda do pai para fazer novos aportes financeiros após investir a quantia inicial de R$ 1520".  

 



*Estagiário sob supervisão de Humberto Rezende
 

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade