Publicidade

Correio Braziliense

Justiça do Rio nega soltura de acusado no caso Marielle

Elcio Vieira de Queiroz está preso no Rio Grande do Norte desde março


postado em 04/05/2019 13:25 / atualizado em 04/05/2019 13:25

A audiência do segundo suspeito de matar Marielle Franco foi marcada para junho(foto: Mario VASCONCELLOS)
A audiência do segundo suspeito de matar Marielle Franco foi marcada para junho (foto: Mario VASCONCELLOS)
 

 

A Justiça do Rio negou o pedido de liberdade feito pela defesa de Elcio Vieira de Queiroz, um dos acusados de participar do assassinato da vereadora Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes. Queiroz está preso no Presídio Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte, desde março.

Segundo a Globonews, a defesa solicitou à Justiça que o acusado possa responder em liberdade, o que foi negado. O jornal O Estado de S. Paulo tentou contato com os três advogados que representam Queiroz, mas não obteve retorno.

Uma audiência de instrução com Queiroz e Ronnie Lessa, outro suspeito preso também sob acusação de participar do crime, foi marcada para 7 de junho. A audiência será feita mediante videoconferência.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade