Publicidade

Correio Braziliense

Atacante do Flamengo, Bruno Henrique diz que foi alvo de ''macumbaria''

Segundo o jogador, a obra de feitiçaria o prejudicou e causou dificuldades na carreira, principalmente nos últimos dois anos quando jogava no Santos e correu risco de ficar cego


postado em 09/10/2019 17:12 / atualizado em 09/10/2019 17:14

(foto: Marcelo Cortes / Flamengo)
(foto: Marcelo Cortes / Flamengo)
Um dos destaques do líder do Campeonato Brasileiro e semifinalista da Taça Libertadores da América, o evangélico e atacante do Flamengo Bruno Henrique afirmou já ter sido alvo de "macumbaria", que o prejudicou e causou dificuldades na carreira, principalmente nos últimos dois anos quando jogava no Santos e correu risco de ficar cego. A informação é do site Globoesporte.com.

 

Ao participar de uma palestra para cerca de 600 pessoas, em evento beneficente de uma igreja, no Rio de Janeiro, Bruno ressaltou a importância de estar no caminho de Deus. "Minha família é toda da igreja. Vou contar um testemunho do que aconteceu comigo em 2017, no Santos. Estava no auge, cotado para Seleção, para times grandes da Europa. E no primeiro jogo do Paulista me machuquei”, lembra.

O jogador, então, prossegue. "Tive uma lesão na vista que me deixou afastado por sete meses. Fiquei pensando: por que tinha acontecido isso comigo? A gente não deve justificar com Deus quando as coisas acontecem. Hoje, entendi o por que. Fizeram 'macumbaria' para não chegar no meu sucesso", afirmou.

Bruno prosseguiu o testemunho ressaltando a volta por cima na carreira. "Deus falou para ter paciência, que o melhor estava por vir. E hoje eu posso contar que o melhor aconteceu na minha vida: ter sido chamado para a Seleção e jogar no melhor time do mundo. Não conquistei nada ainda, mas, se Deus quiser, vai ser coroado com chave de ouro este ano", acredita.
 

Bruno Henrique não está entre os convocados do técnico Tite para os amistosos da Seleção Brasileira que ocorrem nesta semana. Mas esteve na última convocação do treinador e chegou a jogar alguns minutos na ocasião. O jogador vive grande fase: fez 21 gols e deu 13 assistências em 46 jogos na temporada.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade