Brasil

Operação de ano-novo nas estradas federais registra menos acidentes e mortes

Agência Estado
postado em 02/01/2020 19:43
Menos acidentes e mortes foram registrados em rodovias federais do País do dia 28 de dezembro de 2019 a 1º de janeiro de 2020, quando vigorou uma operação de ano-novo realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Segundo o órgão, aconteceram 863 acidentes e 70 mortes no período, números menores que os 916 acidentes com 75 mortes no feriado do ano passado. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira, 2, pela PRF. Segundo a polícia, as multas aplicadas aos motoristas que ingeriram bebidas alcoólicas e àqueles que realizaram ultrapassagens em locais proibidos foram as mais comuns na última semana. Durante a operação, 1.343 motoristas que beberam antes de assumir a direção foram autuados; 113 foram detidos. No Natal, apontou a PRF, foram multadas 1.592 pessoas; 163 acabaram na delegacia pelo crime de alcoolemia ao volante previsto no Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Cerca de 115 mil testes de etilômetro (bafômetro) foram realizados nos dois períodos. Os agentes flagraram 4.986 motoristas realizando ultrapassagens em locais proibidos ou de forma arriscada. Além desses, de acordo com nota da PRF à imprensa, foram autuados também ocupantes de motocicletas que não usavam o capacete (735); motoristas (1.627) e passageiros (2.313) sem o cinto de segurança; e outros que se arriscaram fazendo uso do celular enquanto dirigiam (114). "É para ter cada vez menos flagrantes de imprudência nas rodovias federais de todo o país, que a PRF mobiliza equipes de educação para o trânsito durante períodos de grande fluxo de veículos como os feriadões de fim de ano. Na Operação Natal e Ano Novo, mais de 40 mil pessoas participaram de ações educativas, recebendo dicas de segurança viária", destacou o comunicado da polícia. Multas de bafômetro em SP sobem 36% O reforço no policiamento também foi notado no Estado de São Paulo. De acordo com informações divulgadas pela Polícia Militar paulista, 1.620 pessoas foram presas do dia 20 de dezembro de 2018 ao dia 1º de janeiro de 2020, aumento de 12,6% na comparação com o mesmo período do ano passado. As prisões aconteceram no âmbito de operações desencadeadas para garantir mais segurança durante os feriados de fim de ano. Nas estradas paulistas, 7,9 mil pessoas foram multadas após serem submetidas ao teste do bafômetro, número que é 36,9% maior do que a quantidade registrada em 2018. O trabalho de fiscalização resultou ainda na apreensão de 1,8 tonelada de drogas.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação