Publicidade

Correio Braziliense

Vídeo em que sertanejo Victor Chaves agride ex-mulher é divulgado

O cantor foi condenado a 18 dias em regime aberto e recorreu da sentença na última quinta-feira


postado em 13/01/2020 17:24 / atualizado em 14/01/2020 17:05

(foto: TV Record/Reprodução)
(foto: TV Record/Reprodução)
Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que o cantor Victor Chaves, da dupla sertaneja Victor e Leo, agrediu a ex-mulher Polliana Bagatini.

O vídeo foi divulgado no domingo (12/1) no programa da TV Record Domingo Espetacular (assista abaixo). O episódio ocorreu em 2017, no prédio em Belo Horizonte em que o ex-casal morava, e as cenas foram divulgadas após ser decretado o fim do segredo de Justiça do processo, no qual Victor foi condenado.

Ele foi considerado culpado por vias de fato (agressão que não deixa ferimentos) e a pena recebida é 18 dias de prisão em regime aberto, que podem ser revertidos em serviços comunitários.

Caso tenha dificuldade para ver o vídeo, clique aqui

Pedido de socorro

Na gravação, Polliana, que estava grávida na época, aparece com a primeira filha no colo e pede ajuda olhando para a câmera no interior do elevador. “Moço, por favor, me ajuda”, parece dizer. A irmã do sertanejo, Paula Chaves, também está no elevador e parece tentar acalmar a vítima. 

Em outro momento, anterior a esse, Victor entra no elevador onde estão apenas Paula e Polliana, e as empurra para fora. Nesse momento, Polliana cai no chão e é possível ver o pé do cantor atingindo seu corpo. No processo, Victor disse à juíza que, nessa hora, queria impedir que a ex-mulher se aproximasse da filha e que, após empurrá-la para fora do elevador, continuou empurrando-a com o pé.


Cantor recorre da sentença

Após a condenação em primeira instância, em 29 de novembro, o cantor recorreu da sentença na última quinta-feira (9/1). Até a última atualização desta matéria, a assessoria do cantor não havia se posicionado a respeito. Ao programa da Record, Victor enviou nota dizendo que preferia não se pronunciar.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade