Publicidade

Correio Braziliense

Correio é o jornal mais premiado da região Centro-Oeste em 2019

Ao todo, o veículo acumula 165 títulos. Também é do Correio os repórteres com mais vitórias na região


postado em 23/01/2020 18:49

Jornalistas do Correio Braziliense, premiados no Premio CNT de Jornalismo: Leonardo Cavalcanti, Luiz Calcanho e Claudia Dianni(foto: Arquivo pessoal )
Jornalistas do Correio Braziliense, premiados no Premio CNT de Jornalismo: Leonardo Cavalcanti, Luiz Calcanho e Claudia Dianni (foto: Arquivo pessoal )
O Correio Braziliense foi o veículo de imprensa mais premiado da região Centro-Oeste em 2019, segundo levantamento realizado pela publicação Jornalistas & Cia. Foram oito títulos. O jornal também liderou o ranking de repórteres com mais vitórias na região: Leonardo Cavalcanti e Vilhena Soares, em primeiro e segundo lugares, respectivamente. Esses resultados comprovam a qualidade do trabalho realizado pela redação do Correio, sempre comprometida com melhor do jornalismo.

 

Quando se olha para o ranking nacional, o Correio foi o terceiro jornal impresso com o maior número de premiações no ano passado, atrás apenas da Zero Hora e da Folha de S. Paulo. Num levantamento ampliado, que inclui todas as plataformas de notícias, o jornal ficou na oitava posição, numa disputa acirradíssima. O Correio, com esse levantamento,  reforça a sua relevância como fonte de informação, sobretudo nesses momentos de fake news.

 

O Jornalistas & Cia mostra ainda que, ao longo da história, o Correio é o sexto veículo de comunicação mais premiado. Contabilizou 165 títulos, entre eles, os mais importantes que se tem notícia, como o Esso, o Rei da Espanha, o Embratel. Quando a publicação faz um recorte dos prêmios por plataformas, o Correio fica com a quinta posição. Não por acaso, o jornal se mantém como referência no Distrito Federal, o centro do poder. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade