Publicidade

Correio Braziliense

Receita Federal doa 5 milhões de luvas para combate ao coronavírus

Material doado será utilizado pelos profissionais da saúde que atuam no combate ao novo coronavírus


postado em 27/03/2020 19:03

Material foi apreendido do Porto de Itaguaí, no Rio de Janeiro(foto: Oli SCARFF/AFP)
Material foi apreendido do Porto de Itaguaí, no Rio de Janeiro (foto: Oli SCARFF/AFP)
A Superintendência Regional da Receita Federal na 7ª Região Fiscal, que compreende os estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo, doou hoje (27) 5 milhões de luvas para o Ministério da Saúde. Os equipamentos haviam sido apreendidas pela Alfândega da Receita no Porto de Itaguaí, região metropolitana do Rio de Janeiro. O material doado será utilizado pelos profissionais da saúde que atuam no combate ao novo coronavírus.

 

A superintendência informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que diante das necessidades oriundas da pandemia, todos os trâmites legais foram agilizados para a doação. A retirada do material ocorreu no próprio porto.

 

Em um esforço conjunto, as superintendências regionais da Receita Federal na 9ª Região Fiscal, que abrange os estados do Paraná e de Santa Catarina, e na 7ª Região Fiscal decidiram adotar o uso de máscaras e luvas apreendidas para proteção de seus servidores, que trabalham em aeroportos, portos, regiões de fronteiras e no atendimento à sociedade. São ao todo 1,31 milhão de máscaras e 1,44 milhão de luvas.

 

As máscaras foram apreendidas pela Alfândega da Receita Federal no Porto Seco Rocha Top, em São Francisco do Sul (SC), e as luvas no Porto de Itaguaí, no Rio de Janeiro. Os trâmites legais foram agilizados para a incorporação dos materiais. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade