Publicidade

Correio Braziliense

Ação em Minas Gerais distribui cestas básicas digitais a famílias carentes

Famílias estão recebendo cartões pré-pagos para ajudar nos gastos básicos durante a pandemia


postado em 03/04/2020 20:21

(foto: Edesio Ferreira/EM)
(foto: Edesio Ferreira/EM)
Diante da atual pandemia do novo coronavírus, a Alelo participa do movimento Cesta Básica Digital para ajudar nos gastos báscios de famílias carentes de Belo Horizonte, Contagem, Ribeirão das Neves e Betim. Estão sendo distribuídos cartões pré-pagos para que os moradores mais vulveráveis possam comprar alimentos e produtos de higiene. 

A previsão é que famílias de até cinco pessoas recebam três cestas digitais nos próximos meses. Em princípio,  estão sendo distribuídos 1 mil cartões no valor de R$ 100 para apoiar a população carente nos gastos básicos durante o surto da COVID-19. Segundo o presidente de Alelo, Cesário Nakamura, o movimento também apoia pequenos comerciantes locais que passam por dificuldades.

A iniciativa é da ONG Gerando Falcões, que é ativa em projetos de esporte, cultura e qualificação profissional. Até o momento foram arrecadados cerca de R$ 8 milhões, a partir do fundo gerido pela ONG  e pela participação de empresários brasileiros.

"Custearemos os cartões e reverteremos toda a receita com as transações para a campanha”, explica o presidente da Alelo, Cesário Nakamura.  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade