Brasil

Governo lança Campanha de Conscientização à Violência Doméstica

O programa é uma parceria com o Ministério da Cidadania e o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH)

Ingrid Soares
postado em 15/05/2020 13:02
violência domésticaO presidente Jair Bolsonaro lançou na manhã desta sexta-feira (15), Dia Internacional da Família, a Campanha de Conscientização e Enfrentamento à Violência Doméstica. O programa é uma parceria com o Ministério da Cidadania e o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH). Com o tema: ;Denuncie a violência doméstica. Para algumas famílias, o isolamento está sendo ainda mais difícil;, a campanha aborda ainda a violência contra a mulher, idosos, pessoas com deficiência, crianças e adolescentes.

A ministra Damares Alves apontou que a campanha é importante para chamar a atenção da população para a denúncia de casos de violência doméstica. "Com a decretação da quarentena, agressores e vítimas passaram a conviver juntos 24 horas, a presa está com o predador 24 horas dentro de uma casa. A gente precisa fazer mais. Estamos colocando nossos canais para as pessoas próximas, vizinhos e parentes denunciarem;, apontou.

A ministra disse ainda que o número de denúncias no Disque 100 aumentou no mês de abril. ;O Disque 100 está apresentando números que nos assustam. Em abril foram 35% a mais de denúncias de violência contra a mulher;.

Já em relação às denúncias de violência contra crianças, segundo Damares, ocorreu o contrário. As denúncias diminuíram, pois o maior canal de denúncias do tipo ocorria nas escolas: ;Essas crianças não estão na creche e nem na escola. Vocês tem ideia do que vamos descobrir quando essa pandemia passar? A criança não fala, não liga. Estamos apavorados com o que vamos descobrir após a pandemia;.

;Precisamos despertar urgência de dever cívico sobre situações vividas nos lares;, completou Damares. ;Vamos disponibilizar também cartazes para condomínios, com telefone e aplicativos. Dá para imprimir pelo site do Ministério da Mulher. Vizinhos: Enfiem a colher em briga de marido e mulher. Vamos todos denunciar;, pediu.

[SAIBAMAIS]Segundo a pasta, para incentivar a denúncia contra os agressores, serão divulgadas durantes duas semanas campanhas compostas por peças gráficas, materiais para internet, spots e vídeos, que serão veiculadas na TV, em minidoor sociais de comunidades, no mídia indoor de condomínios, em carros de som, em rádios comunitárias e na internet. As peças e vídeo divulgam os canais de atendimento da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos (ONDH): o Disque 100, o Ligue 180 e o aplicativo Direitos Humanos Brasil, responsáveis por receber, ouvir e encaminhar denúncias de violações aos direitos humanos.

O Disque 100 e o Ligue 180 são gratuitos e funcionam 24 horas por dia.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação