Brasil

Secretários da Saúde serão médicos ou profissionais da área, diz Pazuello

A afirmação foi feita na reunião da comissão externa da Câmara dos Deputados que acompanha as ações de combate ao coronavírus

Maria Eduarda Cardim, Maíra Nunes
postado em 09/06/2020 18:03
A afirmação foi feita na reunião da comissão externa da Câmara dos Deputados que acompanha as ações de combate ao coronavírusO ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, afirmou nesta terça-feira (9/6) que está fechando todas as nomeações para os cargos de secretários do Ministério da Saúde. Segundo ele, todos os nomeados serão médicos ou profissionais da área da saúde. A afirmação foi feita na reunião da comissão externa da Câmara dos Deputados que acompanha as ações de combate ao coronavírus. Ela acontece dias após o empresário Carlos Wizard desistir de assumir a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos em Saúde (SCTIE) após críticas feitas pela sociedade.

;Procurei agora fechar as nomeações e indicações de secretários. Todas essas nomeações tendem a ser de médicos ou de profissionais da área de saúde. Todas, sem exceção;, afirmou Pazuello. O general ainda disse, sem citar nomes, que um gestor ficará na pasta por 70 a 90 dias. No entanto, Pazuello não informou qual será o cargo que o suposto gestor assumirá e garantiu que após essa etapa o substituirá por um médico.

;Acabando essa etapa, ele sairá e eu colocarei ali um médico também. E com isso fecharei a minha linha toda de secretários, todos eles da área médica, como tem que ser no Ministério da Saúde. Apenas um ou outro ainda será gestor, por algum momento;, informou.

[SAIBAMAIS]O ministro interino ressaltou que procurou manter o ;bojo das secretarias; intacto. ;Eu procurei manter hígidas, o bojo das secretarias intacto com seus técnicos, que é quem realmente trabalha;, disse. Apesar disso, o que se vê nas nomeações do Ministério da Saúde é o contrário. Desde a saída do ex-ministro Luiz Henrique Mandetta, a inserção de militares na Saúde foi priorizada na pasta. Até o momento, mais de 20 militares foram nomeados.

A Secretaria Executiva é onde a maioria dos militares está localizada. O agora ministro interino entrou no ministério justamente como secretário-executivo na gestão de Nelson Teich. Pazuello explicou a prevalência de gestores dentro desta secretaria. ;Com relação à Secretaria Executiva, ela é uma secretaria executiva padrão, como em qualquer ministério. Nesse caso, temos ainda muitos gestores trabalhando, e vou precisar de muitas indicações ainda para poder substituir essa equipe toda durante a minha passagem;, disse Pazuello.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação