Brasil

Covid-19: Águas Lindas, Luziânia e Valparaíso lideram ranking no Entorno

Após a sinalização do governador de Goiás, Ronaldo Caiado, sobre o lockdown intermitente, prefeitos das cidades do Entorno do Distrito Federal se reúnem hoje para definir as medidas que serão adotadas

Cibele Moreira
postado em 30/06/2020 06:00

pessoas em uma filaOs números da pandemia nas cidades que fazem divisa com o Distrito Federal preocupam. Águas Lindas concentra o maior número de infectados do novo coronavírus no Entorno, com 681 ocorrências; seguida de Luziânia (566) e Valparaíso de Goiás (535). No Hospital de Campanha de Águas Lindas, inaugurado no início de junho, os 10 leitos de UTI disponíveis para pacientes com covid-19 estão ocupados; os de enfermaria alcançaram taxa de ocupação de 75%. A região de Luziânia também tem lotação máxima dos leitos de emergência destinados para o tratamento da doença.


Após a sinalização do governador de Goiás, Ronaldo Caiado, sobre o lockdown intermitente, prefeitos das cidades do Entorno do Distrito Federal se reúnem hoje para definir as medidas que serão adotadas a partir de 1; de julho. Ao Correio, o prefeito de Águas Lindas de Goiás, Hildo do Candango, adiantou que as cidades vizinhas estudam uma possível suspensão dos serviços essenciais e não essenciais somente aos fins de semana. A proposta foi levantada durante reunião ontem.

Circulação
De acordo com Hildo, que é presidente da Associação dos Municípios Adjacentes a Brasília (Amab), a ideia é fechar os estabelecimentos a partir das 13h, no sábado, e seguir até a 0h de segunda. ;As regiões do Entorno têm uma peculiaridade, cerca de 50% da população trabalha no DF. Não dá para restringir só uma parte (durante a semana) enquanto a outra continua circulando entre as cidades;, pontua o prefeito de Águas Lindas.


Com essa medida, supermercados, farmácias, lojas, feiras, shoppings, lotéricas, entre outros estabelecimentos, ficarão fechados por 35 horas nos fins de semana. O objetivo é reduzir a circulação de pessoas em um momento que o número de casos da covid-19 está crescendo.


No entanto, a proposta ainda será debatida em nova reunião marcada para hoje, quando serão definidas em conjunto todas as medidas que implementadas nas cidades do Entorno e que integrarão decreto publicado amanhã.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação