Publicidade

Correio Braziliense

Menina de 1 ano pega celular da mãe e pede 5 bandejas de jiló em aplicativo

"Perguntei se eu podia devolver, mas como não podia acabamos ficando com os jilós. Estamos pensando em dar para alguém, porque não gostamos de jiló", disse a mãe da criança


postado em 09/07/2020 19:45

(foto: Arquivo pessoal)
(foto: Arquivo pessoal)
Uma família de Rio Verde, em Goiás, foi surpreendida após receber uma encomenda "bem saudável" em casa. O pedido foi feito, na verdade, pela pequena Maggie de apenas de um ano e dois meses em um aplicativo de entregas, que deixou cinco bandejas de jiló na casa onde ela mora com a mãe, a publicitária Thaiz Oliveira, 28.

"Como estou trabalhando no esquema home office, deixei o celular em cima da cama e ela pegou. Achei que a Maggie estivesse brincando ou vendo algum desenho, por isso não me preocupei", explica Thaiz em entrevista ao portal Uol. Ela conta ainda que sé percebeu a "trela" da filha quando o entregador chegou à residência da família.

Ainda segundo a mãe, a compra só foi possível porque o celular fica desbloqueado e, como a família usa com frequência o aplicativo de entregas, o endereço e os dados do cartão de crédito já estavam cadastrados.

O pai da menina foi o responsável por receber a encomenda. Ele estava chegando em casa quando se deparou com o entregador e as cinco bandejas de jiló. Ele ficou surpreso, pois na família ninguém gosta do legume. O "prejuízo" foi de R$ 30. 
"Perguntei se eu podia devolver, mas como não podia acabamos ficando com os jilós. Estamos pensando em dar para alguém, porque não gostamos de jiló", conta Thaiz.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade