Música de Alceu Valença fala sobre promessas da capital aos novos moradores

Canção Te amo, Brasília retrata a vida dos migrantes nordestinos que vieram para Brasília

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 08/04/2013 15:15 / atualizado em 08/04/2013 17:23

Yanê Montenegro/Divulgação


O cantor pernambucano Alceu Valença escreveu a canção Te amo, Brasília. A música é sobre os migrantes nordestinos que vieram para Brasília pela promessa da nova capital e se decepcionaram quando as expectativas de vida nova foram frustradas. A homenagem musical está em Andar, Andar de 1990, que tem como característica uma preocupação com o país. Esse foi o primeiro disco de Alceu pela gravadora EMI. O cantor considera a obra uma mistura de rock com baião e surpreendeu a crítica ao dizer que a combinação de gêneros não foi inédita.


Alceu Paiva Valença nasceu em São Bento do Una (PE), no dia 1º de julho de 1946. Suas influências musicais foram, Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga, Marinês, Orlando Silva, Dalva de Oliveira, bem como os norte-americanos Little Richard e Ray Charles. Formou-se em direito e trabalhou como correspondente do Jornal do Brasil, mas desistiu de tudo pela música.

Participe
Alceu compôs uma música voltada para o lado social de Brasília, assim como muitos que exploraram esse lado da capital. Inspire-se. O Correio Braziliense faz uma homenagem aos 53 anos da cidade e quer ouvir o que os novos compositores e artistas tem a dizer... O jornal lança o concurso cultural Canta, Brasília, que vai premiar a canção que melhor represente a grande aniversariante.

Para se inscrever, os participantes devem se inscrever no site do concurso no link www.correiobraziliense.com.br/canta-brasilia e mandar um vídeo com duração de uma a quatro minutos, com a letra original sobre Brasília de autoria própria ou de terceiro que tenha cedido os direitos autorais. Leia todo o regulamento na página do concurso e confira todos os requisitos.

Os vencedores serão escolhidos por uma comissão de representantes do Diários Associados, após votação do público, que elegerá cinco finalistas. Os prêmios são: uma guitarra da fabricante norte americana Fender, oito horas de gravação em estúdio, 30 segundos de veiculação da música vencedora nos intervalos da rádio Clube FM, bem como a publicação da íntegra da letra no caderno especial do aniversário de Brasília. Não dá para perder!

Ouça música de Alceu Valença



Conheça a letra da canção escrita por Alceu Valença:

Te amo, Brasília

"Eu estava tão lobo
Nos bares da vida
Sangrava a ferida
Do meu coração
E uma doida dona
Charmosa e tão linda
Com tudo de cima
Me botou no chão

Qual é o seu nome?
Me chamo Brasília
Sabia que um dia
Ia te encontrar

Ela só queria,
Eu quase acredito,
Quebrar o meu mito
E me abandonar

Se teu amor foi hipocrisia
Adeus, Brasília,
Vou morrer de saudade
Se teu amor foi hipocrisia
Adeus, Brasília,
Vou pra outra cidade

Agora conheço
Sua geografia
A pele macia
Cidade morena
Teu sexo, teu lago
Tua simetria
Até qualquer dia
Te amo, Brasília"

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.