Publicidade

Correio Braziliense

Coordenadora de Feiras do DF é demitida

 


postado em 13/06/2008 16:31 / atualizado em 19/06/2008 15:18

A coordenadora de Feiras do Distrito Federal, Márcia Fernandez, foi demitida sob a acusação de irregularidades no sorteio dos boxes remanescentes do Shopping Popular. A decisão foi do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda. Márcia Fernandez teria dado ordem a um funcionário para realizar o sorteio das 388 bancas nesta quinta-feira (12/06), quando os documentos de alguns ambulantes beneficiados ainda estariam pendentes. Segundo o Corregedor-geral do Distrito Federal, Roberto Giffoni, o sorteio já foi suspenso. “Espero fechar todos os processos pendentes dos feirantes até terça ou quarta-feira que vem e aí partimos para o sorteio oficial”, afirmou. Após o sorteio os ambulantes vão ter 30 dias para construir as bancas. Quem não cumprir o prazo perde o direito de trabalhar no novo espaço. Mais de 1,3 mil ambulantes já foram sorteados para ocuparem o Shopping Popular. Márcia Fernandez se defendeu das acusações. “Meu pedido de exoneração já estava nas mãos devidas desde o dia 2 de abril”, afirmou. Márcia alegou também que a solicitação de afastamento teria sido feita em função de problemas que ela não teria condições de assumir. “Fiquei este tempo em respeito ao governador Arruda que tenho certeza que não está sabendo das injúrias que estão fazendo comigo”, afirmou. Ela ainda afirmou “Tomei duas providências: solicitei uma retratação em relação às acusações feitas de forma leviana e uma reunião com meus pares do PMDB para que eu possa explicar todo o processo iniciado na Secretaria de Justiça”, concluiu.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade