Publicidade

Correio Braziliense

Professores que tiveram carreiras extintas voltarão à função

 


postado em 31/07/2008 13:17 / atualizado em 31/07/2008 13:17

Cerca de 500 professores concursados que tiveram seus cargos extintos e hoje atuam em funções burocráticas serão remanejados e voltarão às salas de aula. A decisão foi divulgada pela Secretaria de Estado e Educação, nesta quarta-feira (30/07). O secretário, José Lins Valente, explica que os profissionais assumirão, o mais rápido possível, os postos de professores temporários. "O contrato de alguns temporários vai até dezembro, mas não significa que tenhamos que mantê-los no cargo até essa data", destaca Valente. Os professores de carreiras extintas são concursados da época do ensino profissionalizante para áreas específicas. A Diretoria de Pessoal da Secretaria de Educação está responsável por redefinir as áreas de atuação dos profissionais por meio da análise de currículos. "A intenção é que eles atuem conforme sua habilitação profissional", ressalta José Lins Valente. Um levantamento feito pela Secrataria de Educção aponta que a minoria desses profissionais optariam por não retornar às salas de aula. Aqueles que aceitarem reassumir os cargos de professor, voltarão a ganhar a Gratificação por Regência de Classe (GRC), que representa 30 % a mais sobre o salário. José Lins Valente informa que, quem não desejar voltar a dar aulas, terá a situação estudada. "Acabamos de iniciar a análise dos currículos para remanejar os profissionais. Todos os casos serão analisados. Pretendemos terminar o mais rápido possível, mas não há previsão para encerrar remanejamento".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade