Publicidade

Correio Braziliense

Chefe da PRF é afastado do cargo

 


postado em 03/06/2009 13:53 / atualizado em 03/06/2009 18:50

O ex-chefe da Polícia Rodoviária Federal, inspetor Alex Sandro Klein Fonseca, foi afastado do cargo devido processo administrativo causado por uma condenação na Justiça Federal. A condenação, de 2007 diz respeito a denúncia por falsidade ideológica. A Justiça condenou Fonseca a três anos, dez meses e vinte dias de reclusão em regime aberto, que foi substituido por serviços comunitários. Na época Fonseca, que era dono de uma auto-escola no Rio Grande do Sul, foi acusada de emitir habilitações de forma irregular. O chefe do policiamento, inspetor Laerte, assumiu provisoriamente a vaga deixada na PRF. A assessoria da Polícia Rodoviária Federal informou que o Fonseca foi afastado assim que PRF foi notificada da condenação. Ele permanecerá afastado enquanto os processos administrativos e na justiça não forem solucionados.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade