Publicidade

Estado de Minas

Ibram e Seops notificam três estabelecimentos por excesso de som


postado em 28/07/2011 18:57 / atualizado em 28/07/2011 19:03

Três estabelecimentos e uma casa, em três cidades diferentes, receberam advertência e notificação por excesso de som nesta quinta-feira (28/7). Em ação conjunta, a Secretaria da Ordem Pública e Social (Seops) e o Instituto Brasília Ambiental (Ibram) passaram por Sobradinho II, Águas Claras e Ceilândia Norte. Cinco servidores dos órgãos participaram da atividade, coordenada pelo Sargento Vanildo da Seops e pelo auditor fiscal do Ibram, Bento Marçal.

Após denúncias, um supermercado no Condomínio Rio Negro, Módulo 04, em Sobradinho II recebeu uma multa no valor de R$ 3 mil. Os fiscais do Ibram constataram que o excesso de som era emitido por motores de refrigeração do estabelecimento durante o período da noite. O dono, que já havia sido advertido, tem um prazo de 10 dias para resolver o problema.

A medição comprovou também que o som em um bar era superior a 45 decibéis, volume permitido em área residencial. O estabelecimento recebeu advertência por escrito e está localizado na QS 05, Avenida Real, em Águas Claras.

Uma igreja também foi advertida por escrito, assim como o morador de uma residência em frente ao local pelo mesmo problema. As infrações aconteceram na QNN 19 de Ceilândia Norte e foram verificadas no inicio do mês.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade