Publicidade

Estado de Minas

Seis grandes eventos esportivos já foram anunciados neste ano em Brasília


postado em 13/11/2011 16:49 / atualizado em 14/11/2011 15:42

Os olhos do mundo começam a se voltar para a capital da República a partir deste mês e seguem atentos até 2017. Isso porque, nos próximos seis anos, Brasília irá se firmar como sede dos maiores e mais importantes eventos esportivos do mundo. Com a capital movimentada e a economia aquecida por turistas do mundo inteiro e pela exposição na mídia internacional, o desenvolvimento social, econômico e de infraestrutura dará um grande salto.

O calendário que colocará Brasília no circuito mundial de competições esportivas começa neste mês. A capital federal sediará o 56º Campeonato Mundial de Patinação Artística, realizado pela primeira vez no Brasil. De amanhã (14) a 27 de novembro, 1.080 atletas de 36 países disputarão, no Ginásio Nilson Nelson, medalhas nas categorias júnior e sênior.

O Mundial se junta a outras grandes competições que terão como base a capital federal. Brasília será a sede da abertura da Copa das Confederações, em 2013, e receberá, ao lado do Rio de Janeiro, a maior quantidade de partidas da Copa do Mundo de 2014 (sete no total), além de jogos da Copa América, em 2015, e das Olimpíadas, em 2016.

A capital também conquistou, no início de novembro, o posto de primeira cidade das Américas a receber a Gymnasiade %u2015 Olimpíadas Escolares Mundiais, que ocorre em 2013. A competição, realizada de quatro em quatro anos, reúne cerca de 2 mil atletas de 14 a 17 anos, de 45 países.

Além disso, há grande expectativa para o próximo dia 26 de novembro, quando será anunciada, em Bruxelas, na Bélgica, a cidade que sediará a Universíade de 2017, jogos universitários considerados o terceiro maior evento esportivo do mundo. Brasília está na disputa com Taipei, em Taiwan.

“Esta será a década do esporte em Brasília. O Mundial de Patinação e outros grandes eventos esportivos que serão realizados em nossa capital possibilitarão oportunidades de crescer, de gerar empregos e novos investimentos”, destaca o governador Agnelo Queiroz.

Brasília também está cotada para receber lutas do maior evento de MMA do mundo, o UFC (Ultimate Fighting Championship), que voltará ao Brasil em 2012 – a última edição ocorreu em agosto deste ano, no Rio de Janeiro. O Governo do Distrito Federal (GDF) se reuniu por duas vezes com dirigentes da marca, que também já vistoriaram a cidade, para acertar a realização de uma edição na capital. E a expectativa é que o evento seja realizado no Aniversário de Brasília, em 21 de abril.

Para os brasilienses, o grande legado da exposição e atração de turistas com a vinda desses eventos será um conjunto de melhorias na cidade e na qualidade de vida: geração de emprego e renda, melhorias dos serviços prestados, capacitação de mão de obra e investimentos nas áreas viárias, urbanas e da saúde. Além, é claro, da chance única de serem espectadores de grandes competições que nunca estiveram em solo candango.

Destaque brasiliense

O campeonato de patinação, que começa nesta segunda-feira (14/11), será aberto ao público para as competições que ocorrem a partir das 14 horas. Na abertura, haverá apresentação de 195 atletas brasilienses, com idade a partir de cinco anos.

Na competição oficial, o Distrito Federal será representado pela patinadora Thatiana Resende, de 23 anos, e pela dupla Marcela Mendonça e Henrique Pamplona, na modalidade patinação sobre rodas.

 

Marcela e Henrique competem juntos desde criança e, apesar de terem se separado para dar continuidade à carreira em modalidades solo, uniram-se novamente - há cerca de um ano - para tentar conquistar um título no campeonato mundial.

 

Thatiana garantiu a vaga no mundial durante o Campeonato Brasileiro de Interseleções, realizado em setembro, em Novo Hamburgo (RS). Para o Mundial, a atleta intensificou o ritmo de treinos para quatro horas diárias, inclusive nos fins de semana e feriados, e reforçou o trabalho de musculação e o acompanhamento nutricional.

“É outro nível de campeonato, os melhores do mundo estarão aqui. Também é uma grande oportunidade de trocar experiências e aprender bastante”, festeja Thatiana, que compete profissionalmente desde os 12 anos de idade.

O 56º Mundial de Patinação Artística conta com o apoio da Secretaria de Turismo, que terá um Centro de Atendimento ao Turista dentro do Ginásio Nilson Nelson. No estande, atletas e torcedores encontrarão informações de Brasília e dicas de passeios.

Para o secretário de Turismo, Luís Otávio Neves, eventos como o Mundial são a oportunidade de promover o Distrito Federal dentro e fora do Brasil. Ele lembra que cada atleta traz pelo menos um acompanhante, que, se for bem recebido, multiplicará informações positivas sobre a cidade. “Vamos apresentar o melhor de Brasília e lembrar outros eventos esportivos que ocorrerão por aqui”, destaca o secretário.


SERVIÇO:
56º Mundial de Patinação Artística
De 14 a 27 de novembro, sempre às 14h, no Ginásio Nilson Nelson.
A entrada é gratuita.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade