Publicidade

Estado de Minas

Dona de agência que lesou turistas em hospedagem presta esclarecimentos


postado em 04/01/2012 20:49 / atualizado em 04/01/2012 22:34

A dona da empresa LS Turismo que deixou 27 consumidores no prejuízo durante uma viagem ao Rio de Janeiro no fim do ano prestou esclarecimento na tarde desta quarta-feira (4/1). De acordo com 11 pessoas que registraram queixa contra a agência, foi firmado um contrato para uma excursão ao estado carioca no valor de R$ 880, incluindo passeios à pontos turísticos e diárias por sete dias em um hotel da cidade, mas o acordo não foi cumprido pela empresa. Embora o transporte ao local combinado tenha sido feito, as reservas para hospedagem não foram confirmadas. Segundo agentes da 12ª Delegacia de Polícia, responsável pela apuração do caso, a proprietária confirmou que recebeu os pagamentos de todos os passageiros, mas houve um problema administrativo com o hotel.

Os policiais esclareceram que as apurações até o momento não apontam crime por parte da agência de turismo, mas sim um descumprimento de cláusula contratual. "Ela passou parte do dinheiro da compra dos pacotes para o motorista do transporte e disse que ia assumir os pagamentos no Rio de Janeiro. A proprietária já se comprometeu a devolver o dinheiro das hospedagens aos consumidores no decorrer da semana", disse um agente.

Caso ela não devolva a quantia prometida, os turistas devem procurar a Justiça.

Colaborou Thaís Paranhos

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade