Publicidade

Estado de Minas

Mulher é morta a tiro por ex-marido dentro de lanchonete em Taguatinga


postado em 22/01/2012 08:36

Um homem matou a ex-mulher na tarde desse sábado em uma movimentada lanchonete de Taguatinga Centro, em frente à Praça do Relógio. Ana Cléa de Sousa Nascimento, 23 anos, empacotava lanches por volta das 14h quando foi surpreendida por Cláudio Rodrigues Mourão, 32 anos, que também trabalhava na mesma loja, pertencente à rede Giraffas. Ele levou a vítima a um corredor nos fundos do comércio, em um local longe das câmeras de segurança, e disparou um tiro no peito de Ana Cléa. Ela chegou a ser levada ao Hospital Regional de Taguatinga, mas não resistiu. O assassino confesso vai responder por homicídio duplamente qualificado.

O acusado não fugiu depois do crime e acabou preso em flagrante, ao lado do corpo da antiga companheira(foto: Daniel Ferreira/CB/D.A Press)
O acusado não fugiu depois do crime e acabou preso em flagrante, ao lado do corpo da antiga companheira (foto: Daniel Ferreira/CB/D.A Press)

Cláudio e Ana moravam juntos em uma casa de Ceilândia. Mas, há cerca de 10 dias, decidiram se separar. Ele voltou para a casa da mãe, em Santo Antônio do Descoberto, e a vítima permaneceu na antiga residência do casal. Amigos contaram que Ana Cléa estava triste com o rompimento, mas mantinha a rotina de trabalho normalmente.

O acusado pelo crime trabalhou durante 10 anos para a rede de lanchonetes. Há pouco tempo, havia deixado o cargo, mas continuava a prestar serviços de manutenção para a loja e era conhecido de todos os funcionários. Por isso, a chegada de Cláudio ontem à tarde não levantou suspeitas. O desespero só começou quando os trabalhadores ouviram o disparo. Muitos clientes saíram correndo, com medo de um assalto. “Na hora, pensamos que era roubo. Foi um corre-corre porque todo mundo ficou desesperado, sem saber para onde correr”, contou Bruna Pinho Barbosa, 20 anos, colega de trabalho da vítima.

Cláudio acertou um tiro no peito de Ana com arma calibre .38. Em vez de fugir, ficou agachado sobre o corpo da vítima, tentando reanimá-la. Foi preso em flagrante no local, logo depois da chegada da polícia. Cláudio não tem passagens pela polícia. O autor dos disparos estava com a arma havia dois dias. Ele contou à polícia que achou o revólver em um matagal de Santo Antônio do Descoberto.

O delegado responsável pelo caso, Alberto Velloso Machado, da 12ª Delegacia de Polícia, disse que o crime deve ter relação com o rompimento do casal. “Cláudio vai responder por homicídio duplamente qualificado, porque há fortes indícios de que o crime foi premeditado e ele não deu chance de defesa à vítima. Também vai responder por porte ilegal de arma”, explicou o delegado.


Memória

14 de dezembro de 2011
Um homem foi preso acusado de matar a mulher em Sobradinho 2. O suspeito, de 40 anos, chegou à casa da família com sinais de embriaguez e começou a discutir com a esposa, de 36. Cinco horas depois, os três filhos do casal ouviram gritos de socorro vindos da cozinha. Quando a filha mais velha, de 16 anos, abriu a porta, viu o pai esfaquear a mãe no tórax. Imediatamente, a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram chamados. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho do hospital. A polícia não divulgou os nomes dos envolvidos no crime.

30 de setembro de 2011
O professor de direito do UniCeub e coordenador adjunto da mesma cadeira na Faculdade Projeção Rendrik Vieira Rodrigues, 35 anos, se entregou na 27ª Delegacia de Polícia (Recanto das Emas) após matar a estudante Suênia Sousa de Faria, 24. A jovem tinha sido sua aluna do 7º semestre do curso de direito no UniCeub. Ele executou a jovem por não aceitar o fim do relacionamento e por ela ter voltado para o ex-marido.

19 de setembro de 2011
A copeira Vanessa Souza Ribeiro Santos, 24 anos, foi assassinada pelo marido, Rafael da Silva de Andrade, 27,em frente ao restaurante onde trabalhava, na Asa Norte. Ele deu cinco golpes com duas peixeiras no rosto, nos ombros e na barriga da mulher. O casal estava em processo de separação. A vítima recebeu atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), foi encaminhada ao Hospital de Base (HBDF), mas não resistiu.

4 de setembro de 2011
Raimundo Benício, 51 anos, atirou na mulher, Lílian Maria, 32, e em seguida se matou. O crime ocorreu no Setor Sul do Gama. De acordo com a polícia, o assassinato aconteceu na frente dos filhos do casal, depois de uma briga.

26 de agosto de 2009
O bombeiro reformado Kleber da Silva Nascimento, 38 anos, esfaqueou a mulher, Danielle Christine de Alencar Paulino Nascimento, 27, em Taguatinga. A enfermeira teve os olhos perfurados.Com a mesma faca, o homem também cortou a região do peito da mulher e o ombro. Kleber se entregou à polícia e, em junho deste ano, foi condenado a 10 anos de prisão. Danielle sobreviveu, mas carrega as marcas da agressão.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade