Publicidade

Estado de Minas

Renan Calheiros diz que a política precisa se reinventar

Um dos políticos criticados pelas manifestações, o presidente do Senado afirma que o Parlamento deve ter a humildade em relação às manifestações


postado em 20/06/2013 20:50 / atualizado em 20/06/2013 21:16

 
Alvo de um abaixo-assinado com mais de 1,6 milhão de assinaturas pela sua retirada quando assumiu presidência do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) disse, na noite desta quinta-feira, que é preciso humildade e a compreensão de que a política precisa se reinventar sempre.

"Quando a política não se reinventa se desfaz a utopia e nada pode viver sem utopia. Nem a política”, disse, acrescentando que o Parlamento está aberto ao povo. Renan disse ainda que é preciso fazer uma nova agenda para o país a partir das cobranças feitas nas manifestações. “Acho que a maior demonstração de humildade que o Parlamento pode dar, como casa do povo, é exatamente estabelecer uma nova agenda em função das manifestações.”

Durante as eleições para a presidência do Senado, no início do ano, Renan foi alvo de diversas críticas na internet e um abaixo-assinado virtual foi feito contra ele. O documento com as assinaturas foi entregue ao Congresso em fevereiro, mas não teve repercussão prática. Nas atuas manifestações, ele também tem sido lembrado em cartazes que pedem a sua renúncia.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade