Publicidade

Estado de Minas

Agência do INSS encerra expediente mais cedo e revolta usuários

Moradores de Samambaia e Valparaíso retornam para casa por falta de atendimento


postado em 07/01/2014 17:31 / atualizado em 07/01/2014 17:59

As filas aumentam enquanto a agência permanece fechada(foto: Guilherme Araújo )
As filas aumentam enquanto a agência permanece fechada (foto: Guilherme Araújo )

Apesar de funcionar até as 17h, a agência do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) da Presidência Social de Taguatinga Norte encerrou o expediente mais cedo nesta terça-feira (7/1). Por volta das 15h45, os serviços foram interrompidos, causando confusão e gerando revolta entre os usuários que partiram de diversos locais do DF em busca de atendimento.

Devido à falta de compromisso dos funcionários do local com o horário, dezenas de pessoas não conseguiram ter as demandas atendidas. Rogeni de Sousa, de 39 anos, moradora de Valparaíso contou que pegou quatro conduções para chegar ao local, mas teve que retornar para casa.

Sousa afirmou que ligou antes para saber sobre o horário de funcionamento e, assim, não perder viagem, já que se dirigiu à agência acompanhada da filha de 5 anos.

A procuradora Maria Rodrigues Teixeira, de 51 anos, foi ao local renovar a procuração de uma senhora e também teve de retornar.

O superintendente da regional do INSS norte/centro-oeste, André Paulo Felix, reconheceu que foi um equívoco por parte da segurança, solicitou que a porta fosse reaberta e que o horário de funcionamento fosse estendido. Após ser procurado pelo Correio, ele informou que cinco funcionários seriam deslocados para a agência para atender os contribuintes que ficaram aguardando atendimento.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade